Voleibol

12 março 2022, 18h53

Festejos

RESUMO DO JOGO

O dérbi de voleibol no Pavilhão João Rocha sorriu ao Benfica. As águias superiorizaram-se ao Sporting (1-3) na 14.ª jornada da 2.ª fase do Campeonato Nacional e entram nos play-offs com vantagem no fator casa.

O Sporting arrancou melhor no 1.º set, aproveitou alguma desatenção encarnada para chegar ao 5-1 no marcador. A partir daqui, os verdes e brancos geriram a vantagem pontual através de ataques na pipe e na zona 4. O Benfica tentava responder através do oposto, mas o set já não fugiu ao Sporting, por 25-17. Destacar, no 1.º set, algumas decisões polémicas da equipa de arbitragem, que, em caso de dúvida, decidiu sempre a favor dos da casa.

Dérbi

Muito equilíbrio no 2.º set, com várias alternâncias no marcador. O Benfica melhorou na ação de serviço e apresentou maior variabilidade nos ataques, nomeadamente com o acerto da zona 4, o que baralhou a defesa leonina. O Sporting manteve-se forte na pipe e nas pequenas diagonais na zona 4, jogando, ainda, com o bloco fora. Muito disputado, o 2.º set fechou com um 23-25 para as águias.

Melhor entrada do Benfica no 3.º set, a chegar ao 1-4, através da eficácia do bloco e a aproveitar vários erros do Sporting. Os encarnados pareciam melhor neste parcial, até que o side out apareceu na quadra e o dérbi foi para uma toada de ponto cá, ponto lá. Apesar da recuperação leonina, as águias estiveram sempre no comando do resultado e ganharam o 3.º set, nas vantagens, por 24-26.

Dérbi

O Sporting apareceu forte no bloco no arranque do 4.º set, mas foi sol de pouca dura. O Benfica puxou de galões e passou para a frente através de uma boa eficácia no side out, boa defesa e contra-ataques letais. Os verdes e brancos corriam atrás do prejuízo, mas não conseguiam fechar os ataques e os encarnados aproveitaram para rematar o 4.º set em 18-25 e o dérbi em 1-3.

Com 13 triunfos em 14 rondas, o Benfica conclui a 2.ª fase como líder e terá a vantagem do fator casa nos play-offs.

Dérbi

DECLARAÇÕES

Rodrigo Barroso (treinador adjunto do Benfica): "É bom jogar no Pavilhão João Rocha, ver tantas pessoas a assistir ao jogo e ter aqui os nossos adeptos. Que assim continue nos próximos jogos. Foi um jogo em que se decidia alguma coisa para nós. Garantimos algo que é importante para nós, que é o fator casa para os próximos jogos. Conseguimos colocar algumas novas estratégias em campo. Tivemos uma boa reação da nossa equipa face a um 1.º set não tão bem conseguido. Agora vem a Taça de Portugal, um jogo completamente diferente e que seja um bom jogo de voleibol com muitas pessoas a ver."

Tiago Violas (distribuidor do Benfica): "O Sporting entrou no jogo com muita força. A nossa equipa entrou um bocado abaixo do que costumamos entrar. É de realçar a grande resposta da nossa equipa, demos a volta ao resultado e garantimos o 1.º lugar, que era o nosso grande objetivo."

Sporting-Benfica
1-3
Pavilhão João Rocha
Formação inicial do Benfica
Rapha, Peter Wohlfi, Hugo Gaspar, Lucas França, Tiago Violas, Japa e Ivo Casas (L)
Suplentes
André Lopes, Bernardo Westermann, Pablo Natan, Nikula, Zelão, Carlos Puron e Bernardo Silva (L)
1.º set 2.º set 3.º set 4.º set
25-17 23-25 24-26 18-25

Texto: Marco Rebelo
Fotos: Isabel Cutileiro / SL Benfica
Última atualização: 12 de março de 2022

Patrocinadores Voleibol


Relacionadas

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar