Voleibol

07 maio 2022, 21h53

Benfica é Tricampeão Nacional

RESUMO DO JOGO

Já está! O Benfica é Tricampeão Nacional de voleibol ao derrotar, no Pavilhão n.º 2 da Luz, o Sporting, por 3-0, no jogo 3 da final do play-off do Campeonato Nacional.

Com as bancadas muito bem compostas e um excelente ambiente de apoio à formação da casa, do outro lado da barricada estavam os verdes e brancos a saberem que tinham neste encontro a derradeira oportunidade para evitar o título de Campeão Nacional do Benfica.

O 1.º set começou com o Sporting melhor, mas onde o equilíbrio foi a nota dominante, sobressaindo o side out. No lado encarnado, o serviço, a defesa baixa, o ataque na pipe e na zona de oposto ou o contra-ataques foram armas que baralharam o adversário; o Sporting tinha dificuldades em armar o seu bloco, mas mantinha-se no dérbi através dos remates nas zonas 4 e de oposto. Na parte final do 1.º set, o Benfica optou por um serviço mais agressivo, distanciou-se e ganhou, por 25-18.

Benfica Tricampeão

Antes do início do 2.º set, destaque para a homenagem prestada pelo Pavilhão n.º 2 da Luz aos Infantis masculinos pela conquista do Campeonato Regional. Na frente por 1-0, o Benfica entrou a todo o gás neste parcial, com os ataques a carburarem pelas zonas 4 e de oposto, graças à eficácia na receção e à variabilidade do distribuidor na construção ofensiva. O Sporting sentia dificuldades em parar as águias e ia cometendo vários erros não forçados, nomeadamente na ação de serviço. A exceção foi a eficácia na zona de oposto, todavia insuficiente para evitar a vitória do Benfica no 2.º set, por 25-17.

Na Luz já ninguém conseguia estar sentado. Cheirava a título, com o Benfica a um set de festejar. O 3.º set do dérbi começou algo incaracterístico, com erros não forçados de parte a parte. Encarnados na frente, devido a vários ataques na pipe, leões na perseguição, fruto dos remates do oposto. Na quadra, os comandados por Marcel Matz pareciam ter o jogo controlado, mas baixaram o ritmo e a agressividade, aproveitou o Sporting para passar para a frente e até alargar a vantagem. Marcel Matz parou a partida, reuniu as tropas e o Benfica reaproximou-se no marcador. Emoção ao rubro, ponto cá, ponto lá, com o 3.º set a ter de ser resolvido nas vantagens. Aí caiu para os da Luz (27-25). O Benfica venceu o jogo, por 3-0, sagrando-se Campeão Nacional pela 10.ª vez na sua história!

Benfica Tricampeão

DECLARAÇÕES

Marcel Matz (treinador do Benfica): "É muito bom festejar em casa. Não sabia como era. No 3.º set as coisas podiam ter-se complicado, mas conseguimos a reviravolta e foi sensacional. Parabéns à equipa, a época foi fantástica. Conquistámos três títulos, qualificámo-nos para a Liga dos Campeões e fechámos com chave de ouro, em casa, na presença dos adeptos e da família. Trabalhámos duro no dia a dia para sentir esta emoção e poder proporcionar isto às nossas famílias. Estou feliz pelos jogadores."

Benfica Tricampeão

Hugo Gaspar (capitão do Benfica): "Em casa, com os nossos adeptos e família, é saboroso. O que conta é a quantidade de títulos que esta equipa tem. É fruto do que nós trabalhámos ao longo da época, o apoio das nossas famílias, dos nossos adeptos e de toda a organização do Benfica, e que culmina com esta vitória do título. Quem me conhece, sabe que eu dou sempre o litro. Vivo para o desporto e para estas conquistas. Tenho um grande apoio da minha família e é por eles que estou aqui. Foi uma época de ouro."

Benfica Tricampeão

Tiago Violas (distribuidor): "Já há muitos anos que ansiávamos celebrar o título aqui em casa e com estes adeptos fantásticos. Foi um prazer disputar e vencer este título. As épocas nunca são fáceis, mas a nossa equipa chega às alturas decisivas e todos dizem presente. Saímos todos beneficiados e estamos de parabéns."

Benfica Tricampeão

Bernardo Westermann (distribuidor): "Para mim, é novo. É o campeonato mais importante. O grupo é maravilhoso. Fizemos um jogo perfeito e conseguimos pôr em prática o que trabalhámos toda a semana. É muito especial. Fizemos três jogos bons, sempre confiei na nossa equipa desde o início."

Benfica Tricampeão

André Lopes (zona 4): "Foi mais um título. Fizemos três grandes jogos na final, parabéns a toda a estrutura. Foi uma época em cheio, ganhámos praticamente tudo, fizemos uma grande campanha na Liga dos Campeões. Parabéns a todos e muito obrigado aos nossos adeptos pelo apoio ao longo de toda a época. Estamos a festejar o Tricampeonato e estamos muito felizes. É completamente diferente celebrar em casa, com os nossos adeptos e com as nossas famílias. É indescritível!"

Benfica Tricampeão

Lucas França (central): "O sentimento é muito gratificante. A época foi muito dura, trabalhámos muito, cumprimos todos os objetivos e isso é fruto do apoio das nossas famílias e dos nossos adeptos. Este é o meu primeiro título de muitos. Lutámos muito nos treinos e nos jogos. O título é fruto da nossa entrega. É a primeira vez que ganho um título nacional e não tenho palavras ao ver este apoio e esta energia."

Benfica Tricampeão

Rapha (zona 4): "Esta equipa é uma família. São cinco temporadas muito emocionantes. Fazer parte desta equipa deixa-me emocionado, e assim é mais fácil fazer o que fizemos hoje [sábado]. Conseguimos trazer este título para o Benfica. Foi um ano muito exaustivo, porque tínhamos a obrigação de manter o título. Conseguimos colocar o nosso empenho e fizemos uma temporada maravilhosa e histórica na Liga dos Campeões. Estamos muito felizes."

Benfica Tricampeão

Peter Wohlfi (central): "É incrível! Vencemos dois campeonatos fora de casa, mas vencer em casa, com os adeptos, é incrível. É o ponto alto da temporada. Temos uma boa equipa e somos como uma família."

Benfica Tricampeão

Ivo Casas (líbero): "Não podia ter corrido melhor. Foi uma época muito bem conseguida. Conseguimos conquistar todos os objetivos propostos. É mais um Triplete e tem sido fantástico. Temos de desfrutar de cada conquista como se fosse a última. Não nos cansamos de ganhar, queremos sempre mais, jogo após jogo, competição após competição, título após título. Nunca é demais ganhar, estou muito satisfeito. Festejar em casa, com os nossos adeptos é gratificante e, claramente, diferente."

Festa

Benfica-Sporting
3-0
Pavilhão n.º 2 da Luz
Formação inicial do Benfica
Lucas França, Tiago Violas, Rapha, Peter Wohlfi, Japa, Hugo Gaspar e Ivo Casas (L)
Suplentes
André Lopes, Bernardo Westermann, Pablo Natan, Nikula, Zelão, Carlos Puron e Bernardo Silva (L)
Formação inicial do Sporting
Tiago Barth, Frederico Santos, Thomas Powell, Dvoranen, Masso, Joaquín Gallego e João Fidalgo (L)
Suplentes
Vinha, Tiago Pereira, Victor Pereira, Gil Pereira e Rafael Cavalcanti
1.º set 2.º set 3.º set
25-18 25-17 27-25

Texto: Marco Rebelo
Fotos: Cátia Luís / SL Benfica
Última atualização: 8 de maio de 2022

Patrocinadores Voleibol


Relacionadas

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar