Andebol

28 maio 2022, 20h05

Sergey Hernández esteve em grande nível no triunfo do Benfica sobre os polacos do Orlen Wisla Plock

RESUMO DO JOGO

EHF European League
Meia-final
Resultado final 
Orlen Wisla Plock 19
Benfica 26

Benfica venceu (19-26) os polacos do Orlen Wisla Plock nesta tarde de sábado, 28 de maio, em jogo referente à meia-final da EHF European League, que se realizou no Altice Arena, garantindo a presença na final da prova, onde irá enfrentar os alemães do Magdeburgo.

A primeira parte ficou marcada pela superioridade das defesas em relação aos ataques, com particular destaque para o guarda-redes do Benfica, Sergey Hernández. O equilíbrio nos primeiros 10 minutos foi desfeito paulatinamente pelos comandados de Chema Rodríguez, mais objetivos no ataque às redes guardadas por Morawski.

Nesta fase, o guardião internacional espanhol do Benfica, com várias intervenções de categoria, adiou, juntamente com algum desacerto dos polacos, a aproximação no marcador, que, aos 19 minutos ditava um 2-5 para as águias.

Orlen Wisla Plock-Benfica

As pretensões polacas pela zona central foram quase sempre anuladas pela agressividade dos centrais do Benfica, pressionantes e intensos a impedir o jogo para o pivot. Porém, a verdade é que os encarnados foram acumulando erros no ataque e não conseguiram, por isso mesmo, disparar no marcador.

O Orlen Wisla Plock reduziu para 5-6, Chema Rodríguez parou o jogo e o fio condutor do mesmo voltou a ficar na mão do Benfica, que atingiu o intervalo a vencer por 8-10.

Orlen Wisla Plock-Benfica

Na segunda parte o Benfica entrou com a mesma dinâmica e, fundamentalmente, eficaz nos processos defensivos. Os polacos continuaram a esbarrar na determinação encarnada e começaram a dar sinais de desnorte. Aos 26', Krajewski foi expulso por acertar com a bola na cabeça de Gustavo Capdeville na marcação de um livre de sete metros.

Orlen Wisla Plock-Benfica

Aos 43' a vantagem do Benfica subiu para os 11-17 e daí em diante o coletivo revelou maior facilidade no controlo das emoções, sempre apoiado pelos entusiastas Benfiquistas presentes no Altice Arena, construindo um triunfo robusto e notável, fazendo história no Clube e na modalidade.

Com o 19-26 final, o Benfica assegurou assim a presença na sua primeira final europeia na modalidade, que será disputada neste domingo, 29 de maio, às 18h00, frente aos alemães do Magdeburgo, que bateram o RK Nexe por 34-29. O Magdeburgo, recorde-se, é o detentor do troféu e o atual líder do Campeonato Nacional do seu país.

Orlen Wisla Plock-Benfica

DECLARAÇÕES

Chema Rodríguez (treinador do Benfica): "É incrível poder estar na final da EHF European League, estes rapazes ganharam ao Orlen Wisla Plock que é uma equipa brutal. Foi um jogo excecional, uma vitória do grupo e dos Benfiquistas. É histórico para nós, e agora queremos ganhar a final. Vamos tentar fazer algo ainda mais histórico. É curioso que as equipas que mais golos marcaram na competição, marcaram hoje poucos golos. As defesas estiveram por cima dos ataques. O Sergey Hernández esteve brutal. Que amanhã o pavilhão esteja cheio de Benfiquistas. Que possamos fazer algo histórico. O apoio foi impressionante. Parecia que estávamos a jogar no Estádio da Luz, no campo de futebol. Esperemos corresponder com uma vitória. Fizemos uma exibição impressionante. Não temos tanta experiência, mas com estes adeptos e a vontade de ganhar desta equipa, por vezes, torna-se muito difícil ganharem-nos. Vamos defrontar o Magdeburgo, é uma equipa fora do normal! É o líder da Liga alemã, que, a par da francesa, é a mais forte. Tem um grande treinador, jogam muito bem, não podemos dar-lhes nada. Será um jogo muito complicado, mas estamos em casa e com vontade de fazer algo grande. Também será difícil para eles."

Orlen Wisla Plock-Benfica

Sergey Hernández (guarda-redes): "A chave foi tudo, mas sobretudo a equipa. Os adeptos foram muito importantes, fizemos um grande jogo na defesa, na baliza e no ataque. Fizemos um grande trabalho. De todos fomos um. Estive firme e fiz o melhor possível. Será uma final frente ao Magdeburgo, merecemos depois de um ano longo de trabalho. Espero que ainda esteja mais gente no pavilhão."

Orlen Wisla Plock-Benfica

Orlen Wisla Plock-Benfica
19-26
Altice Arena
Formação inicial do Benfica
Sergey Hernández, Jonas Källman, Rogério Moraes, Lazar Kukic, Demis Grigoras, Ole Rahmel e Alexis Borges   
Suplentes
 Gustavo Capdeville, Mahamadou Keita, Bélone Moreira, Paulo Moreno, Carlos Martins, Petar Djordjic, Tadej Kljun, Luciano da Silva e Francisco Pereira  
Formação inicial do Orlen Wisla Plock
Adam Morawski, Daszek, Jurecic, Serdio, Susnja, Krajewski e Kosorotov 
Suplentes
 Witkowski, Lucin, Kaminski, Mitrovic, Alonso Fernández, Szita, Terzic, Mihic, Czaplinski e Zhitnikov 
Ao intervalo 8-10
Marcadores do Benfica
 Petar Djordjic (9), Lazar Kukic (5), Jonas Källman (2), Ole Rahmel (2), Demis Grigoras (2), Rogério Moraes (2), Bélone Moreira (1), Paulo Moreno (1), Alexis Borges (1) e Luciano da Silva (1)

Texto: Rui Miguel Gomes
Fotos: Cátia Luís / SL Benfica
Última atualização: 28 de maio de 2022

Patrocinadores Andebol


Relacionadas

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar