20 de janeiro de 2018, 21h35

Bingo! Jonas encheu o cartão na Liga NOS

Futebol

O Chaves era a equipa que faltava no currículo do avançado do Benfica: com os dois golos marcados na 19.ª jornada, o Pistolas já acertou nas balizas dos 17 adversários que compõem o figurino da corrente edição do campeonato.

Antes do Benfica-Chaves havia uma história para contar: dos 17 opositores na Liga NOS, apenas o conjunto flaviense ainda não tinha sentido o poder de fogo do Pistolas.

Depois do confronto direto ao início da noite de sábado, no Estádio da Luz, a realidade a retratar é outra: Jonas disparou certeiro por duas vezes na partida (o primeiro foi um tiraço!) e já nenhum adversário da Liga NOS pode gabar-se de não ter sofrido golos do brasileiro.

O camisola 10 do Benfica fecha a 19.ª jornada com 23 golos faturados, consolidando o estatuto de melhor marcador da Liga NOS e dos principais campeonatos da Europa.

No plano estatístico, Jonas mais itens em relação aos números que apresentava no fim da ronda anterior, após a vitória por 1-3 em Braga, onde apontou um golo, na circunstância o segundo das águias. Agora, e no que diz respeito a valores médios, o matador brasileiro necessita apenas de 71 minutos para colar uma bola às redes contrárias.

Outro parâmetro que atesta a boa forma de Jonas corresponde à sequência de jogos a marcar. Com as duas finalizações precisas no desafio com o Chaves, o brasileiro aumentou para seis o número de partidas seguidas a carimbar as malhas adversárias.

Estoril (casa), Tondela (fora), Sporting (casa), Moreirense (fora), Braga (fora) e agora Chaves (casa) foram as equipas que, nesta série, sofreram com o insaciável apetite pelo golo que ajuda a descrever o perfil do avançado do Benfica.

Texto: João Sanches

Fotos: Isabel Cutileiro, João Paulo Trindade e Tânia Paulo / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar