21 de fevereiro de 2018, 18h00

Prémio e olhos postos no Paços

Futebol

A manhã de quarta-feira no Caixa Futebol Campus começou cedo para a equipa do Benfica, que prepara o embate de sábado, da 24.ª jornada da Liga NOS, e terminou com Rui Vitória a receber o troféu relativo à distinção de Melhor Treinador do mês de janeiro.

Com o objetivo de juntar mais três pontos à sua colheita nesta Liga NOS, a equipa do Benfica trabalha com evidente entrega e exigência no Seixal, preparando a visita de sábado próximo (20h30) ao Paços de Ferreira, na 24.ª jornada da prova.

A manhã de quarta-feira começou bem cedo no Caixa Futebol Campus, com os jogadores compenetrados no trabalho, que teve lugar no relvado do Campo n.º 3. O treinador Rui Vitória não pôde contar Salvio e Krovinovic, que recuperam de lesão, mas teve sob observação os jovens Gedson Fernandes, Keaton Parks, Ferro, Chris Willock e João Félix.

O encontro da 24.ª ronda da Liga NOS assinala o regresso do técnico a uma casa onde exerceu funções em 2010/11 e no arranque da temporada 2011/12, ingressando depois no V. Guimarães, de onde, em 2015/16, haveria de transitar para o Benfica.

Rui Vitória volta a Paços de Ferreira e tanto ele como os jogadores vão ter o incentivo de mais de três mil Benfiquistas, ou seja, cerca de metade da capacidade do Estádio da Capital do Móvel. O apoio da Onda Vermelha é importante para a equipa poder vencer mais uma batalha.

A manhã no Caixa Futebol Campus fechou-se com a entrega do prémio de Melhor Treinador do mês de janeiro. Rui Vitória recebeu a distinção da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, entregue pessoalmente por Helena Pires, diretora de Competições.

Texto: João Sanches

Fotos: SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar