Futebol

05 agosto 2017, 23h39

Com a vitória na Supertaça, Rui Vitória chegou aos seis títulos ao serviço do Benfica e foi o primeiro treinador a ganhar duas Supertaças na Luz.

"Dissemos que estávamos preparados e viemos aqui ganhar e somar este troféu. Era importante começar bem. A equipa foi forte no início do jogo, fizemos dois golos e podíamos ter feito mais. Depois, jogámos contra o quarto classificado, que este ano se reforçou com qualidade. Fez o golo e voltou ao jogo. Na segunda parte, com as mudanças, acabámos por fazer o 3-1. Podíamos ter resolvido mais cedo, mas foi uma belíssima réplica da equipa do Vitória e, na realidade, começámos como queríamos e justificámos o que falámos ontem", disse, em declarações proferidas na zona de entrevistas rápidas.

"Não nos podemos esquecer que era o quarto classificado e que este ano começou a trabalhar muito bem. Ao falharmos as bolas para o 3-1, é evidente que o Vitória começou a ficar dentro do jogo. Acho que foi mérito do adversário porque acreditou que podia empatar o jogo. Mas os nossos jogadores que entraram, entraram muito bem e resolveram o jogo", prosseguiu, analisando as dificuldades encontradas na partida.

Questionado sobre o mercado de transferências e a possibilidade de o Benfica ainda comprar, o técnico não quis alongar-se: "As questões dessa natureza são resolvidas internamente. Nesta altura é comemorar, dar os parabéns ao Luisão que fez algo histórico. Depois essas coisas são para ser tratadas noutra altura e nunca são discutidas na praça pública."

Texto: Filipa Fernandes Garcia

Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica 

Última atualização: 5 de agosto de 2017

Patrocinadores principais do Futebol


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar