14 de novembro de 2017, 19h27

Diogo Gonçalves marca um golo e assiste no triunfo dos Sub-21

Futebol

Seleção portuguesa comandada por Rui Jorge venceu a Suíça por 2-1 num jogo de apuramento para o Euro 2019.

A seleção portuguesa de Sub-21 defrontou e venceu na tarde de terça-feira a congénere da Suíça por 2-1, numa partida para as contas do apuramento para o Europeu de 2019.

No Estádio Capital do Móvel, em Paços de Ferreira, Rui Jorge chamou os benfiquistas Rúben Dias, Francisco Ferreira, João Carvalho e Diogo Gonçalves para alinhar de início, num onze que contou ainda com outros dois atletas do Clube: Yuri Ribeiro (emprestado ao Rio Ave) e Pedro Rodrigues (emprestado ao Estoril). Heriberto entraria no segundo tempo.

E foi precisamente dos pés de um benfiquista que saiu o primeiro golo da partida. Diogo Gonçalves, de primeira, remata com sucesso para o fundo das redes helvéticas, após assistência de Pedro Delgado. Recorde-se que o médio-ofensivo das águias já tinha marcado na Roménia e é agora o melhor marcador da Seleção nesta fase.

Aos 27’, Rúben Dias abre para Diogo Gonçalves e este, com uma assistência primorosa, oferece o 2-0 a Diogo Jota.

Antes do intervalo, João Carvalho desperdiçou o 3-0, ao falhar uma grande penalidade. Do outro lado, aos 39’, Ulisses Garcia reduziu para 2-1, resultado que se manteria até ao apito final, após uma segunda metade intensa mas sem grandes oportunidades.

Portugal soma agora sete pontos no Grupo 8 e sobe ao 3.º lugar.

“Foi importante marcar, mas o mais importante foi a vitória e realçar a qualidade da equipa. Ganhámos pela margem mínima, mas podíamos ter marcado mais dois ou três golos, acabámos por permitir o golo da Suíça, mas tivemos sempre o jogo controlado. O objetivo é o apuramento, mas pensamos jogo a jogo e cada um como uma final. Estas vitórias dão confiança, quer a nível coletivo, quer a um nível mais individual. Agora é focar e descansar e aproveitar”, disse Diogo Gonçalves no final da partida à CMTV.

ONZE DE PORTUGAL: Joel Pereira; Diogo Dalot, Rúben Dias, Francisco Ferreira e Yuri Ribeiro (emprestado ao Rio Ave); Pedro Rodrigues (emprestado ao Estoril); Estáquio, João Carvalho e Pedro Delgado (66’, Gil Dias); Diogo Gonçalves (78’, Bruno Xadas) e Diogo Jota (56’, Heriberto Tavares).

Suplentes não utilizados: Diogo Costa, Fernando Fonseca, João Félix, Rafael Barbosa.

Texto: Sónia Antunes

Fotos: SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar