17 de fevereiro de 2019, 16h17

Cláudia Correia contratada

Andebol Feminino

A internacional de 28 anos chega à equipa de andebol feminino do Benfica com vontade de crescer e ganhar títulos.

A mais recente contratação da equipa feminina de andebol do Benfica, Cláudia Correia, foi oficialmente apresentada na Sala de Imprensa dos Pavilhões da Luz.

Tem 28 anos, é lateral-esquerda e começou a jogar aos 10 anos de idade (2000/01) na SIMPS (Sociedade Instrução Musical Porto Salvo), onde esteve durante 9 épocas.

Transferiu-se na época 2009/10 para o Alavarium – Andebol Clube de Aveiro, onde jogou 5 épocas seguidas, até 2013/14, tendo-se sagrado bicampeã (épocas 2012-2014).

Cláudia Correia

Entre 2014 e 2017, a internacional portuguesa jogou em vários países: Grécia (PAOK, 1.ª Divisão), Roménia (Ramnicu Valcea, 1.ª Divisão), Noruega (Stryn, 2.ª Divisão) e França (Pole sud38, 2.ª Divisão).

Na época 2017/18 regressou ao Alavarium, de onde transitou para a Luz para reforçar a equipa feminina de andebol.

“Fui quase obrigada a vir morar para Lisboa, por causa da situação de saúde da minha mãe, então vir para o Benfica foi uma maneira de conciliar o estar em Lisboa e o jogar andebol. Espero vir ajudar no que for preciso, estamos na 2.ª Divisão, queremos subir e eu estou cá para isso”, começou por afirmar a andebolista, em declarações à Comunicação Social.

Cláudia Correia chega ao Benfica com vontade de crescer e os objetivos já estão bem definidos.

“Em primeiro lugar gostava que conseguíssemos subir à 1.ª Divisão, depois mantermo-nos lá e quem sabe sermos campeãs. Como o Benfica é um clube grande e que ambiciona tanto, também quero estar sempre no topo”, vincou.

Questionada sobre o que achava do andebol feminino em Portugal, a jogadora de 28 anos respondeu: “O andebol feminino não é tão valorizado como o andebol masculino, mas isso já não vem de agora. Tem melhorado, é verdade, mas ainda estamos um bocado longe e se isso começasse a mudar agora era muito bom para o andebol em Portugal.”

Cláudia Correia

O treinador da equipa de andebol masculino do Benfica, Carlos Resende, apadrinhou a chegada da atleta e revelou as características de Cláudia Correia.

É uma belíssima jogadora, das melhores nacionais, que pode ainda dar um contributo à Seleção. Ela é uma lateral-esquerda que, mais do que rematar, também pode construir. Tenho a certeza de que a Cláudia será uma mais-valia em vários aspetos, essencialmente com a sua experiência e a sua vontade de vencer. O Benfica tem uma equipa com muita juventude e a Cláudia certamente será um expoente máximo”, enfatizou Carlos Resende.

Texto: Márcia Dores

Fotos: Francisca Caria / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar