10 de março de 2019, 18h43

Dulce Félix Campeã Nacional de corta-mato pela 7.ª vez

Atletismo

Atleta do Benfica ficou a um título da recordista Rosa Mota.

Dulce Félix conquistou, este domingo, o sétimo título de Campeã Nacional de corta-mato, ficando a apenas um da recordista Rosa Mota, na 96.ª edição do Nacional de Corta-Mato Longo que se realizou no Parque da Bela Vista, em Lisboa.

“Estou extremamente feliz. Este ano, o Benfica não trouxe equipa, mas eu queria lutar pelo título individual. Corri, venci e estou muito feliz. Para mim é um orgulho grande e sei que estava bem. Estava confiante para lutar por este título, mas sei que as minhas adversárias também estavam bem preparadas”, analisou Dulce Félix.

A atleta do Benfica deu a iniciativa às atletas do Sporting, mas, na penúltima volta, fugiu e ganhou isolada, em 29.03 minutos, repetindo os títulos conquistados entre 2010 e 2015.

Foi a tática da concentração e da paciência, porque o percurso é muito duro e exige muito de nós. Precisámos de muita força para este cross”, explicou.

Cinco segundos depois, chegou Catarina Ribeiro, cortando a meta com 29.08 minutos, à frente da colega de equipa e de treino, Salomé Rocha, terceira classificada (29.14).

Conquistado o sétimo título nacional de corta-mato, Dulce Félix pensa já nos próximos objetivos.

“É óbvio que estou a pensar nos Jogos Olímpicos, mas há provas pelo Benfica ainda a fazer: a Corrida Benfica António Leitão, no dia 7 de abril – as pessoas que se inscrevam, que participem e que façam desse dia uma festa – e depois tenho algumas provas pelo caminho para preparar o Mundial”, finalizou.

Texto: Filipa Fernandes Garcia

Fotos: Arquivo / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar