13 de setembro de 2018, 21h30

Cervi renova contrato até 2023

Futebol

O novo internacional A da Argentina estendeu a ligação ao Sport Lisboa e Benfica.

Com um excelente início de temporada, Cervi ajudou o Benfica a superar o primeiro ciclo de jogos de grande exigência (oito em apenas 27 dias) e estreou-se na seleção principal da Argentina, somando duas internacionalizações A num curto espaço de tempo. De regresso a Lisboa, prolongou a ligação contratual ao Clube até 2023.

Após acertar com o Presidente Luís Filipe Vieira a renovação do contrato com o Sport Lisboa e Benfica, Cervi falou em exclusivo sobre este progresso na sua carreira.

"Estou muito feliz com a renovação. É uma honra muito grande que o Clube continue a confiar no meu trabalho. Estou muito contente e dá-me mais confiança para continuar a trabalhar para este grande Clube. Mais responsabilidade? No dia em que vestes esta camisola já tens uma responsabilidade muito grande. O Benfica é um clube que merece estar sempre no topo. É uma enorme responsabilidade para um jogador, mas nós queremos essa responsabilidade, queremos abraçar todas essas coisas para fazer o melhor em campo e o melhor para o Clube", assumiu Cervi.

Hoje, a iniciar a terceira temporada de águia ao peito, o argentino já sabe explicar melhor tudo aquilo que é o Benfica. "Nas duas últimas épocas aprendi muita coisa. Também digo muita coisa às pessoas da Argentina que porventura não têm a perceção do quão grande é este Clube. Já conheço muito o Benfica", realçou o esquerdino.

Cervi recordou a primeira vez em que, trajado à Benfica no Caixa Futebol Campus, falou aos jornalistas. "Estava um pouco nervoso, era um idioma novo, mas estava com muita vontade de começar a fazer o meu percurso neste Clube", comentou. "Vendo as imagens desse dia noto que melhorei um pouco o meu português. Fiz um caminho em que aprendi muito com a ajuda dos meus colegas, de toda a equipa técnica e de todas as partes que constituem este Benfica. Estou muito contente por pertencer a este Clube", apontou Cervi.

Na última semana e meia, Cervi tornou-se internacional A pela Argentina, participando em duas partidas da renovada alviceleste. "O Benfica foi muito importante para a minha convocatória. Estar num Clube como este ajuda muito. Estou muito contente por me ter estreado na seleção argentina, porque também foi um sonho tornado realidade. Foi uma experiência diferente, foi voltar a sentir a mesma sensação de quando comecei a jogar na I Divisão. Tentei desfrutar de cada momento e é algo que nunca mais vou esquecer", revelou.

Na seleção da Argentina, Cervi reencontrou o ex-benfiquista Pablo Aimar, que atualmente assume as funções de adjunto de Lionel Scaloni na alviceleste. "Falámos muito sobre o Benfica. Eu já tinha falado com ele antes de vir para cá e é sempre um prazer voltar a encontrá-lo", confidenciou.

Os objetivos de Cervi no Benfica são transparentes. "Este Clube merece sempre que eu entre em campo e deixe tudo até ao fim, a pensar na conquista dos títulos a que o Benfica está acostumado", destacou.

Cervi já apontou 12 golos pelos encarnados. "Marcar um golo é uma sensação que não se pode explicar. Toda a gente a festejar um golo teu é uma sensação única, ainda para mais no Estádio da Luz", confessou no momento em que revia os remates que acabaram no fundo das redes adversárias.

De viva voz, o esquerdino escolheu os seus três melhores golos no Benfica. E o primeiro até foi assinado com o pé direito. "Foi na minha estreia oficial com a camisola do Benfica. Jogar na Supertaça e marcar um golo foi um momento muito importante para mim e que fica para sempre. Depois desse, o golo que marquei contra o Paços de Ferreira [no Estádio da Luz], também pela beleza do golo. Foi um dos mais bonitos da minha carreira. E depois o do livre direto [na visita ao Portimonense, também em 2017/18], porque estive a treinar muito esse remate", avaliou o jogador.

Fotos: Tânia Paulo / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar