2 de outubro de 2019, 23h26

Luís Filipe Vieira: “Proibido pensar que estamos derrotados”

Clube

“Vamos lutar pelos nossos objetivos”, assim vinca o Presidente do Benfica, até porque “esta equipa tem valor para fazer mais”.

INTERVENÇÃO DO PRESIDENTE

Na zona mista do Estádio de São Petersburgo, após a partida com o Zenit, o Presidente do Sport Lisboa e Benfica reiterou à Comunicação Social que as águias não estão derrotadas e que têm qualidade para vencer em qualquer estádio.

“Qualquer Benfiquista deve estar descontente e triste neste momento. No balneário, onde estão os jogadores, é expressamente proibido pensar que estamos derrotados. Esta equipa tem valor para fazer mais e melhor, e nestes quatro jogos que faltam – num grupo muito equilibrado – vamos lutar nos limites e naquilo que acreditamos. Vamos lutar pelos nossos objetivos porque acreditamos nos jogadores que temos”, sublinhou.

O líder máximo dos encarnados percebe a tristeza nos adeptos do Benfica, mas garantiu que o plantel liderado por Bruno Lage vai responder de forma concreta.

“Eu apareço nas derrotas e não nas vitórias. Estes momentos são difíceis de gerir por todos nós, porque vivemos o Benfica intensamente. É importante estarmos unidos em torno do Benfica. Aqui trabalha-se com profissionalismo e nunca descurámos esta prova. Se há coisa que queremos é estar nas competições europeias e a resposta tem de ser dada. Com o plantel que temos vamos dar respostas concretas, de certeza”, assegurou.

Luís Filipe Vieira deixou, ainda, uma palavra aos Benfiquistas em jeito de garantia.

“A todos os Benfiquistas dizer: estamos tristes, mas nestas alturas temos de assumir, levantar a cabeça e acreditar no que estamos a fazer. Temos a certeza de que estamos no caminho certo. Temos forças e qualidade para fazer melhor e vencer em qualquer estádio”, finalizou.

Texto: Marco Rebelo

Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar