7 de novembro de 2019, 16h47

São Miguel de boas memórias

Futebol

Factos, curiosidades e vitórias: no reduto do Santa Clara, que o Benfica visita pela 5.ª vez, começou a série de triunfos consecutivos fora de casa sob o comando de Bruno Lage na Liga NOS.

O Benfica, líder da Liga NOS, desloca-se aos Açores, ao Estádio de São Miguel – recinto onde nunca perdeu –, para disputar a 11.ª jornada às 18h00 de sábado, dia 9 de novembro.

O registo histórico com o Santa Clara não é vasto e limita-se ao Campeonato Nacional. Ainda assim, há números e curiosidades a extrair. A primeira deslocação a São Miguel aconteceu em 1999/2000, época de estreia dos açorianos no principal patamar do futebol luso. O Benfica, sob o comando de Jupp Heynckes, ganhou por 0-3, naquele que foi o triunfo mais gordo das águias em Ponta Delgada.

O resultado foi feito logo na primeira metade, com os remates certeiros de Maniche (23’), Kandaurov (25’) e Nuno Gomes (44’), num Estádio de São Miguel repleto para ver o Benfica pela primeira vez.

Em 2001/02 houve regresso dos Açores à liga portuguesa. Na jornada 30, o Benfica deslocou-se à casa do Santa Clara e pela primeira vez não saiu de lá vitorioso. O jogo terminou como começou: 0-0.

O regresso aos triunfos nos Açores fez-se na temporada seguinte – 2002/03. Apesar da maior dificuldade, os encarnados venceram por 1-2, com um bis de Simão, aos 42’ e aos 71’, a dar resposta ao tento inicial de João Pedro para os anfitriões. Este foi, aliás, o único bis de um jogador do Benfica nos quatro desafios com o Santa Clara em São Miguel.

Depois desse encontro foi preciso esperar 16 anos pelo regresso do Benfica ao Estádio de São Miguel. A 11 de janeiro de 2019 – na 17.ª jornada –, já sob o comando de Bruno Lage, as águias bateram o Santa Clara, por 0-2. Seferovic inaugurou o marcador aos 22’ e Jardel fechou-o aos 48’, com a curiosidade de o capitão ser o primeiro (e único) defesa a marcar pelo Benfica no reduto dos insulares. Antes, só médios, extremos e avançados tinham alvejado as redes.

Em resumo, em quatro jogos, o Benfica venceu três e empatou um. Apontou sete golos (1,75 por encontro) e sofreu apenas um, sendo que, dos sete marcados, cinco foram na primeira parte e dois no segundo tempo.

Santa Clara-Benfica

Com Bruno Lage no comando, os números da equipa do Benfica na Liga NOS têm sido impressionantes. Um deles cruza-se diretamente com o Santa Clara e com o Estádio de São Miguel. Foi aqui, a 11 de janeiro de 2019, que o treinador teve o primeiro encontro fora de portas para o Campeonato. Desde aí, e até ao último embate, em Tondela, as águias, enquanto visitantes, só sabem ganhar. No total, são 13 vitórias!

Depois de Santa Clara, houve triunfos ante V. Guimarães (0-1), Sporting (2-4), Aves (0-3), FC Porto (1-2), Moreirense (0-4), Feirense (1-4), SC Braga (1-4) e Rio Ave (2-3); em 2019/20, a senda continuou com Belenenses SAD (0-2), SC Braga (0-4), Moreirense (1-2) e Tondela (0-1).

Texto: Marco Rebelo

Fotos: Arquivo / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar