8 de novembro de 2019, 19h27

Kelly Services junta-se ao Benfica Olímpico

Clube

Empresa da área dos Recursos Humanos vai ser um importante parceiro do Projeto Olímpico do Sport Lisboa e Benfica.

O Sport Lisboa e Benfica e a Kelly Services assinaram, nesta sexta-feira, uma parceria que visa o apoio ao Projeto Olímpico do Clube. O protocolo foi apresentado à Comunicação Social na sala de Imprensa do Estádio da Luz.

Presentes na cerimónia estiveram o vice-presidente Fernando Tavares, os atletas Fernando Pimenta, Telma Monteiro e Pedro Pablo Pichardo, e ainda Pedro Lacerda, CEO da multinacional de Recursos Humanos.

Fernando Tavares começou por explicar a parceria que considera ser “um casamento natural”.

Estamos a anunciar um acordo de parceria com a Kelly Services, uma empresa que trabalha na área dos Recursos Humanos e que é parceira do Benfica há vários anos. Vai ser um dos parceiros do Projeto Olímpico através destas três referências [Telma Monteiro, Fernando Pimenta e Pedro Pablo Pichardo]. Este é um casamento natural”, esclareceu.

O canoísta Fernando Pimenta enalteceu a importância do apoio dado ao Benfica Olímpico e às modalidades.

É sempre muito importante para o Benfica Olímpico e para as modalidades. É sempre importante haver este reconhecimento por parte das empresas e é sinal de que o trabalho que o Benfica tem feito nas modalidades começa a dar os seus frutos, não só em resultados, mas também em termos de parceiros”, reconheceu.

“Já competi no teste Olímpico, um teste de aferição para conhecermos as condições da pista onde vamos competir no próximo ano nos Jogos Olímpicos. Fiquei em 2.º lugar, muito perto do 1.º, e isso pode ser um bom indicador. O objetivo é continuar a aprender e a evoluir nos treinos para chegar às competições nacionais e internacionais e conseguir a melhor prestação possível”, revelou Fernando Pimenta ao falar dos próximos objetivos competitivos da época.

Pedro Pablo Pichardo, atleta do triplo salto do Clube, seguiu pelo mesmo diapasão de Fernando Pimenta e também elogiou a parceria entre o Benfica e a Kelly Services.

“São muito importantes as parcerias que apoiem os projetos Olímpicos e as modalidades. Com apoios consegue-se melhores condições e melhor qualidade de treino e, assim, conseguimos melhores resultados”, sublinhou.

“Em março há o Campeonato do Mundo de Pista Coberta. Começa aí a temporada 2020 e esperamos que corra tudo bem”, perspetivou, ainda, Pichardo.

A judoca do Benfica Telma Monteiro mostrou-se confiante para o apuramento Olímpico, onde pretende chegar como cabeça de série.

“O apuramento Olímpico começou no ano passado. Vão as 18 melhores do mundo e eu estou entre as 14 primeiras. Porém, o meu objetivo é ser cabeça de série e, para isso, tenho de estar entre as oito primeiras. Continuo confiante”, garantiu.

A Golden League é como a Liga dos Campeões. É a primeira vez que vamos participar como equipa, é um grande orgulho e motivação. Há uns anos era eu sozinha no judo do Benfica. Entretanto, fomos construindo uma equipa e um projeto sólido. Temos duas atletas de elite mundial, que são a Rochele Nunes e a Bárbara Timo, e vamos contar ainda com a italiana Odette Giuffrida, vice-campeã Olímpica, e com a Jull Fransen”, destacou ao contextualizar a Golden League, que vai decorrer em Odivelas no dia 16 de novembro.

Pedro Lacerda, CEO da Kelly Services Portugal, considera que esta parceria acabará por ter um grande impacto social através de Telma Monteiro, Fernando Pimenta e Pedro Pablo Pichardo.

“O apoio tem uma componente monetária, mas, para mim, tem um aspeto que é o que mais valorizo: o impacto social que tem no mercado de trabalho, não só pela imagem dos três atletas no Benfica como no desporto e na sociedade portuguesa”, enfatizou.

Texto: Marco Rebelo

Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar