2 de janeiro de 2020, 19h38

Weigl já é jogador do Benfica!

Futebol

"Conheço a atmosfera que se vive no Estádio da Luz, os adeptos são ótimos e estou ansioso por jogar para eles", reconheceu o médio, que assinou até 2024.

PRIMEIRA ENTREVISTA

Julian Weigl já é jogador do Sport Lisboa e Benfica! O médio internacional alemão, adquirido por 20 milhões de euros, assinou contrato até 2024 e fica blindado por uma cláusula de rescisão no valor de 100 milhões de euros, informou a SAD benfiquista à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.

"O Benfica é, de facto, um grande clube, com uma grande história. Tive boas conversas com Rui Costa, com o Presidente [Luís Filipe Vieira] e com Tiago Pinto, e senti que eles queriam mesmo que viesse para o Benfica. Tive um sentimento especial durante essas conversas e ficou claro para mim que queria fazer esta mudança. Também conheço a atmosfera que se vive no Estádio [da Luz], joguei aqui pelo Borússia Dortmund, os adeptos são ótimos e estou ansioso por jogar para eles", reconheceu, nas primeiras palavras "à Benfica".

Weigl Benfica Luís Filipe Vieira

Nas declarações prestadas à BTV, Weigl confessou ter perguntado pelo Benfica a Axel Witsel e ao internacional português Raphael Guerreiro, jogadores que teve como companheiros de equipa no Dortmund.

"Sim, primeiro falei com Witsel, e também falei com Raphael Guerreiro, que não jogou cá, mas que também gosta muito do Clube. Só ouvi coisas boas. Foi bom, para mim, saber que outras pessoas têm o mesmo sentimento que eu", revelou o médio.

Nas primeiras horas em Lisboa, Weigl teve a oportunidade de visitar as instalações do Benfica, na capital e no Seixal, e ficou bem impressionado.

O Estádio tem uma grande atmosfera e é lindo. Também já visitei o centro de treinos [Benfica Campus] e vi excelentes instalações, e a trabalhar ali só se pode melhorar. Estou ansioso por começar a treinar lá”, assegurou.

Weigl Benfica Luís Filipe Vieira

Assim que se começou a desenhar a possibilidade de ingressar no Benfica, Weigl quis saber mais sobre a Liga Portuguesa.

"Já vi alguns jogos, quando as conversações começaram. Eu gosto da Liga. É uma competição onde todos tentam jogar bom futebol, o que pode ser bom para mim, e, claro, depois há equipas que são rivais, como FC Porto e Sporting, por exemplo. Nos grandes jogos com eles é uma enorme competição e, por isso, quero muito jogar pelo Benfica", confidenciou.

O internacional germânico demonstrou, ainda, ser bom conhecedor da equipa do Benfica e da realidade que vai encontrar.

“Claro que conheço o Odysseas porque jogámos juntos nos Sub-21 da Alemanha, conheço o Seferovic, conheço o Pizzi e gosto muito de o ver jogar. Como tenho visto os últimos jogos, já conheço bem a equipa. Quero estar com eles para trabalharmos juntos e lutarmos por títulos”, sublinhou.

A qualidade de passe é só um dos grandes predicados deste médio de 24 anos, que falou sobre essa característica. "Eu tanto dou velocidade à equipa como acalmo o nosso jogo. Tento perceber o que a equipa necessita naquele momento. Eu sei que às vezes pode parecer fácil fazer um passe de cinco metros, mas no final até pode dar um golo. Não é fácil, mas eu gosto de jogar assim", assumiu Weigl, que já sabe o número com que vai jogar pelo Glorioso.

Weigl Benfica Luís Filipe Vieira

"Escolhi a camisola com o 28 porque foi o meu primeiro número como jogador profissional", disse o internacional alemão.

Os adeptos do Benfica são conhecidos pela paixão ao Clube e Julian Weigl já teve a oportunidade de sentir esse carinho nas suas redes sociais.

“Primeiro do que tudo, e pelo que vi através do meu Instagram e das minhas redes sociais, percebi que os Benfiquistas ficaram muito contentes quando começaram a sair as notícias sobre a possibilidade de assinar pelo Benfica. Aí senti o amor dos adeptos e o quanto adoram o Clube. Precisamos muito deles para conseguir os nossos objetivos e para ganhamos títulos”, lembrou o médio-centro.

Weigl Benfica Luís Filipe Vieira

A nova cara do plantel admitiu à BTV que ainda não se sente confortável no português. Porém, um dos objetivos é aprender a língua o quanto antes.

“Para ser honesto, quando estava no aeroporto do Dubai descarreguei uma aplicação para começar a aprender e já conheço algumas palavras. Este é também um objetivo: aprender a falar português o mais rapidamente possível, porque, só assim, vou poder falar com os meus colegas. O meu inglês é bom, mas quero aprender português porque considero ser importante”, garantiu.

"Estou feliz, mesmo feliz", frisou o mais recente reforço das águias.

Texto: João Sanches e Marco Rebelo

Fotos: Tânia Paulo / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar