Futebol

04 janeiro 2020, 23h46

Bruno Lage

CONFERÊNCIA DE IMPRENSA

O Estádio D. Afonso Henriques assistiu a uma partida muito bem disputada e equilibrada. O Benfica venceu por 0-1, e Bruno Lage analisou o triunfo e a exibição da equipa na 15.ª jornada da Liga NOS.

O técnico deixou elogios a ambas as equipas, destacou o ambiente de constante apoio que veio das bancadas, explicou a entrada de Samaris em jogo e a forma como as águias defenderam, e escusou-se a falar do clássico entre o Sporting e FC Porto, recordando que ainda se está a jogar a 1.ª volta.

Cervi

Vitória difícil e justa

“Marcámos o golo e somos uns justos vencedores. Jogámos com uma equipa competente, no seu estádio com um ambiente fantástico. É de lamentar as paragens. O público do V. Guimarães a apoiar a equipa do primeiro ao último minuto, a lembrar um estádio em Inglaterra, e também da nossa parte, um apoio fantástico. Jogo muito vivo e corrido. Fomos uma equipa muito solidária a atacar e a defender. Estamos satisfeitos pelos três pontos.”

“A justiça dos resultados vê-se por quem marca. O V. Guimarães tem duas ou três oportunidades para marcar, nós também. Houve transições em que podíamos ser mais esclarecidos. Marcámos e estamos felizes. Há um ano estava aqui e tínhamos uma desvantagem de sete pontos. Vamos seguir focados no nosso trabalho.”

Bruno Lage

Adversário com muita qualidade

“O mais importante é saber que defrontámos uma grande equipa, que joga muito bem. Sabíamos disso porque já os tínhamos defrontado na Taça da Liga. Foi um jogo muito competitivo e equilibrado. Estou satisfeito pelo jogo, pela reentrada a vencer, num estádio muito difícil.”

V. Guimarães-Benfica

A entrada de Samaris e a forma de defender nos 90’

“Coloquei [o Samaris] para refrescar e alterar. Fomos constantemente alterando a forma de pressionar e, naquela altura, senti que tinha de tirar o Chiquinho. Samaris entrou, deu-nos outra qualidade na construção e maior equilíbrio na zona central. Ficámos mais confortáveis com três médios.”

“Tínhamos de defender muito bem à largura. Tentámos condicionar com pressão no início, alterámos a meio da primeira parte e depois ao intervalo. Tivemos de refrescar a pressão porque o V. Guimarães constrói bem, tenta criar soluções por dentro e procura o corredor contrário através de diagonais, porque mantém sempre dois homens nos corredores. A equipa teve de ser forte coletiva e taticamente a defender. Fomos gerindo o jogo dessa maneira e em função do resultado.”

V. Guimarães-Benfica

Coletivo preparado para vários momentos no jogo

“Preparamos sempre o jogo nos vários momentos. O mais importante é vermos o coletivo e, em termos ofensivos, podemos e devemos fazer mais e melhor. Fomos previsíveis na construção, trouxemos pouco o jogo ao corredor esquerdo e falei nisso ao intervalo. Isso explica o nosso jogo ofensivo, mas também por mérito do adversário. Os nossos dois alas fizeram um jogo fantástico no apoio aos laterais. As duas equipas tiveram um comportamento exemplar a defender.”

V. Guimarães-Benfica

Odysseas: excelente profissional, com atitude fantástica

“Um jogador não perde qualidades por estar a jogar, por estar no banco ou por estar na bancada. O Odysseas nunca perdeu qualidades, sabíamos que era muito forte entre os postes e tinha de evoluir na saída dos postes e na construção do nosso jogo. Viram a exibição que fez aqui [no Estádio D. Afonso Henriques], tem um treinador que é muito competente: Fernando Ferreira. O Odysseas é um excelente rapaz, um excelente profissional e com uma atitude diária fantástica. O que nós queremos é um plantel competitivo, para que os jogadores olhem para o lado, percebam que a concorrência é forte e que têm de continuar a evoluir.”

V. Guimarães-Benfica

A 16.ª vitória fora seguida na Liga NOS que iguala Rui Vitória

“A importância é de alguém poder chegar a estes números. O importante é seguirmos o nosso caminho jogo a jogo, conseguindo boas exibições e conquistando pontos.”

V. Guimarães-Benfica

Resultado no clássico? Ainda é prematuro

“Há um resultado que pode interessar mais, mas ainda nem terminámos a 1.ª volta. É prematuro fazer qualquer análise ao que quer que seja.”

Texto: Marco Rebelo

Fotos: David Martins / SL Benfica

 

Camisola Guarda-Redes Adidas Benfica

Última atualização: 5 de janeiro de 2020

Patrocinadores principais do Futebol


Relacionadas

Futebol

Presidente Rui Costa: conferência de Imprensa

Na Sala de Imprensa do Estádio Nacional, o Presidente do Sport Lisboa e Benfica, Rui Costa, falou detalhadamente sobre os contornos singulares do desafio B SAD-Benfica, da 12.ª jornada da Liga Bwin, um jogo que o árbitro Manuel Mota deu por terminado ao minuto 48, porque a equipa da casa não tinha um mínimo de sete jogadores em campo.

Futebol

Juvenis B visitaram Casa São Francisco de Assis

A equipa de Juvenis B do Benfica visitou na manhã deste sábado, 27 de novembro, a Casa São Francisco de Assis (Casa do Gaiato), onde fez uma doação de vestuário e de uma bola autografada por todos os elementos. A iniciativa está inserida no projeto "Ligação à Comunidade", sendo que atletas como Francisco Neto e Diogo Rocha, acompanhados por Rita Ferreira, do Departamento de Formação Pessoal e Social, e o psicólogo Ricardo Esteves, tiveram oportunidade de conviver e trocar experiências com utentes da instituição.

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar