9 de fevereiro de 2020, 15h56

🎥 Desacerto na finalização sentenciou

Futsal

Foi a primeira derrota do Benfica na Liga Placard de futsal (era, até à data, a única equipa invicta na competição).

RESUMO DO JOGO

O Benfica perdeu, neste domingo, por 2-0, em casa do Sporting, em jogo da 17.ª jornada da fase regular da Liga Placard de futsal, cedendo também a liderança da competição.

Na casa – cheia! – dos leões, o Benfica entrava líder da tabela classificativa, com 44 pontos, mais um do que o Sporting, no 110.º dérbi da história do futsal que valia a liderança do Campeonato…

Entrou dinâmica a formação orientada por Joel Rocha, com mais bola no meio campo ofensivo e mais perto da baliza do Sporting… Iam faltando as oportunidades de finalização. Na baliza, André Sousa a responder bem – seguro e atento – às ameaças dos da casa.

Saída muito rápida do Sporting para contra-ataque, aos 7’, com Taynan a disparar fortíssimo – sem hipótese de defesa para André Sousa – para a vantagem dos leões (1-0).

GOLO: 1-0

O Benfica tentou a resposta, aos 8’, com Robinho a atirar para as mãos de Gonçalo Portugal, mas o Sporting aumentou a vantagem logo a seguir. Léo recuperou a bola e deu a Pauleta, que, aos 9’, encostou para o 2-0.  

GOLO: 2-0

Fernandinho chegou à baliza dos leões, aos 12’, e fez gritar-se golo no Pavilhão João Rocha. O pivot brasileiro rematou, mas a bola foi à malha lateral…

A formação encarnada – com mais posse e mais controlo da bola – ia tentando reagir à desvantagem, perante um Sporting perigoso, a chegar rapidamente à zona de finalização.

Quase a fechar os primeiros 20 minutos, oportunidade soberana para o Benfica aos 19’, com Fernando Drasler, de pé esquerdo, a falhar o alvo à boca da baliza de Gonçalo Portugal. Intervalo: 2-0

RESUMO DA 1.ª PARTE

O segundo tempo arrancou mais morno, com poucas oportunidades flagrantes, com mais posse do Benfica e um maior número de remates do lado dos encarnados… Mas faltou acerto na finalização. Drasler, aos 26’, atirou duas vezes para as duas grandes defesas do guarda-redes do Sporting, que foi obrigado a esmerar-se.

A correr atrás do prejuízo, o Benfica, com um tiro fortíssimo de André Coelho da zona do meio campo, tentou reduzir a desvantagem para a margem mínima, mas estava lá – mais uma vez – o guardião verde e branco a negar o golo. 

A 5' do final, e com o Benfica a tentar encurtar distâncias, Joel Rocha pediu desconto de tempo e apostou no 5x4 com Bruno Coelho a guarda-redes avançado, mas o resultado não voltaria a mexer no Pavilhão João Rocha. 

Sporting-Benfica, 2-0

FICHA  
Local Pavilhão João Rocha
Cinco do Benfica André Sousa, André Coelho, Chaguinha, Robinho e Fernandinho
Suplentes André Correia, Fábio Cecílio, Tiago Brito, Bruno Coelho, Rafael Henmi, Miguel Ângelo e Fernando Drasler 
Ao intervalo 2-0

Texto: Filipa Fernandes Garcia

Fotos: Arquivo SL Benfica

PATROCINADORES MODALIDADES


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar