12 de março de 2020, 17h10

FPF e Liga suspendem competições de futebol

Agenda

"A partir de 13 de março e por tempo indeterminado", as provas organizadas por aquelas entidades estarão inativas. No combate à propagação do vírus COVID-19, as modalidades também param.

O grupo de emergência criado pelo presidente da FPF para monitorizar o impacto do vírus Covid-19 decidiu, nesta quinta-feira, suspender, "a partir de 13 de março e por tempo indeterminado", as competições nacionais de futebol e futsal organizadas por aquela entidade. A medida é replicada pela Liga Portugal, que, em comunicado, oficializou a paragem da Liga NOS e da LigaPro (II Liga).

"Face à limitação crescente de acesso a instalações desportivas e à necessidade de toda a população seguir medidas eficazes de higiene e etiqueta respiratória foi decidido suspender as competições nacionais de futebol e futsal organizadas pela Federação Portuguesa de Futebol. A medida é aplicada a partir de 13 de março e vigora por tempo indeterminado", anunciou, primeiro, a Federação Portuguesa de Futebol numa nota na sua página oficial.

"A situação provocada pelo vírus Covid-19 continuará a ser monitorizada pelo grupo de emergência, que poderá rever – ampliando ou reduzindo – as medidas agora implementadas", indicou a FPF no comunicado.

Neste grupo de emergência, constituído por Fernando Gomes, têm assento o Presidente da FPF, Presidente da Liga Portugal, Presidente da Comissão Delegada das Associações, Presidente do Sindicato de Jogadores, Presidente da Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol, Presidente da Associação Nacional de Treinadores de Futebol e Presidente da Associação Nacional de Médicos de Futebol.

A Liga Portugal, depois, usou também a sua página oficial para comunicar oficialmente a paragem dos Campeonatos Nacionais da Liga NOS e da LigaPro "por tempo indeterminado".

"A decisão da Liga Portugal foi tomada após uma reunião entre a Direção Executiva do organismo com a AMEF e a Comissão Permanente de Calendários, que se fez acompanhar dos respetivos médicos dos clubes e que levou a mais medidas", precisou o organismo que gere os Campeonatos profissionais.

Assim, a Liga Portugal deliberou o seguinte:

  • Suspensão imediata das competições profissionais de futebol da Liga NOS e da LigaPro por tempo indeterminado;
  • Realização de reuniões da Comissão Permanente de Calendário, de 3 em 3 dias, para que seja efetuado ponto de situação da evolução da pandemia e das concretas medidas a adotar.

Daquela reunião saiu ainda a "recomendação para a suspensão imediata dos treinos (...) e para que todos os agentes desportivos do futebol profissional adotem condutas de contenção social, para que, rapidamente, se possa retomar a atividade desportiva normal".

"Esta decisão do Futebol Profissional, em conformidade com a recomendação do Conselho Nacional de Saúde Pública, para que sejam reforçadas as medidas de contenção bem como os meios para a sua implementação, visa ser um exemplo para a Sociedade em geral e para a consciencialização de todos os cidadãos e adeptos", frisou a Liga Portugal na nota emitida.

Recorde-se que, nas modalidades, por causa da pandemia do vírus COVID-19, as federações de voleibol, hóquei em patins e basquetebol já haviam deliberado a suspensão dos jogos seniores. Também a atividade no futebol de formação fora cancelada pela FPF nos primeiros dias da semana.

Já na manhã desta quinta-feira, o Benfica e o Passos Manuel, que se defrontariam na noite de sexta-feira na Luz para a Taça de Portugal de andebol, acordaram o adiamento do encontro. Entretanto a Federação Andebol de Portugal também anunciou oficialmente a suspensão de todas as provas.

Fotos: SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar