4 de setembro de 2020, 20h54

Inaugurada a exposição "Luisão – Dias de Luta, Dias de Glória"

Clube

Mostra temporária e gratuita que homenageia o ex-jogador estará no Museu Benfica – Cosme Damião.

DECLARAÇÕES

A exposição temporária "Luisão – Dias de Luta, Dias de Glória" foi inaugurada, nesta sexta-feira, no Museu Benfica – Cosme Damião. Uma sentida homenagem a Luisão, ex-jogador, hoje diretor técnico no Futebol Profissional, e "companheiro de viagem" do Presidente Luís Filipe Vieira, que não faltou à inauguração.

"Costumo dizer que Luisão é o meu companheiro de viagem. Estamos juntos desde 2003 e este é um percurso de grande felicidade. Estamos na presença do grande capitão do Benfica, com 538 jogos. É um dos jogadores com mais jogos pelo Benfica e tem 20 títulos, sendo um dos mais titulados. Tudo o que é feito em torno do Luisão é merecido", considerou Luís Filipe Vieira.

Exposição temporária Luisão: dias de luta, dias de glória

"UM GRANDE BENFIQUISTA E UM GRANDE CAPITÃO, DENTRO E FORA DE CAMPO"

A nova exposição, situada no átrio do Museu, de entrada gratuita, centra-se na figura de Luisão, explorando as diversas vertentes do jogador ao longo do seu percurso no Sport Lisboa e Benfica.

"Esta exposição reporta bem o passado dele. O que importa agora não é o passado, mas sim o presente e o futuro. De certeza que vai representar nestas novas funções o que aprendeu sempre, que é ser um grande Benfiquista e um grande capitão dentro e fora de campo. Certamente, essa mensagem vai ser passada a todos os nossos profissionais, sejam eles da equipa principal, da equipa B ou juniores. Muitas felicidades para ti, Luisão! Muito obrigado ao Sport Lisboa e Benfica", reconheceu Luís Filipe Vieira.

Exposição temporária Luisão: dias de luta, dias de glória

Luisão tornou-se num dos principais jogadores do Clube, sendo o que mais títulos conquistou neste século. A sua determinação, ambição e garra casaram de forma perfeita com os valores do Clube e também isso fez dele o capitão com mais jogos na história do Benfica.

"O mês de setembro no Benfica, para mim, é de emoções, porque há quase dois anos estava a encerrar a minha carreira como atleta do Sport Lisboa e Benfica. Estar aqui faz-me retornar à minha infância, quando o meu pai me levava a casa dos meus avós e do meu falecido tio Pedrinho. Quando entrava no quarto dele via sempre as fotos do meu pai na parede, do tempo em que jogava. Cresci com esse sonho dentro de mim, por isso hoje é um dia de muito orgulho", contou Luisão aos presentes, acompanhado pela mulher e pelas duas filhas.

Exposição temporária Luisão: dias de luta, dias de glória

"LUÍS FILIPE VIEIRA APOSTOU EM MIM AO LONGO DESTES 17 ANOS"

Luisão – Dias de Luta, Dias de Glória é uma viagem de 2003 até à atualidade, a partir do olhar do internacional brasileiro e líder nato que dá, aqui, a conhecer as suas múltiplas facetas. 

"A minha história, tudo o que está aqui é muito baseado nos alicerces da família. Os meus pais, a minha esposa, Brenda, que pegou no meu pé durante toda a carreira para guardar tudo aquilo que um dia teria oportunidade de recordar, a minha filha mais velha, Sofia, e a Valentina. E também alicerçado na Família Benfiquista, que me acarinhou durante todos estes anos. Por falar em família, tenho de agradecer à figura do Presidente Luís Filipe Vieira, que ao longo destes 17 anos apostou em mim, colocou um carácter de valores e responsabilidade dentro desta casa. Graças ao Presidente, fui o que fui como atleta e também agora nestes últimos dois anos, liderando uma equipa espetacular que também se transformou na minha família. Em nome de toda a minha família, agradeço por hoje estar a realizar um sonho", disse o antigo capitão encarnado.

Exposição temporária Luisão: dias de luta, dias de glória

"Eu emociono-me sempre nestes momentos. São 17 anos, sou um privilegiado por tudo o que aconteceu na minha carreira e vem acontecendo. Como o Presidente falou, o que importa é o futuro, e nesta casa estou a ter a possibilidade de contribuir para os objetivos do Clube. Falando de mim, o Luisão é tudo o que mostrou dentro de campo, de honrar ao máximo a camisola do Benfica. A minha característica mais forte é o carácter que eu trouxe dos meus país e construo nos alicerces da minha família", reconheceu Luisão. 

"Quando se fala de Benfica, fala-se de paixão, de emoção, de mística, de boa gestão. Cheguei a esta casa há 17 anos e vi a transformação do Clube e da minha vida. Estou a gostar muito das minhas novas funções, tenho vivido o dia a dia com a equipa, sei do potencial. A cobrança que eu faço agora é grande para estar à altura das exigências do Clube", garantiu o ex-jogador brasileiro.

Exposição temporária Luisão: dias de luta, dias de glória

Entre os 25 convidados para o evento estiveram Domingos Soares de Oliveira, CEO do Grupo Benfica, Rui Costa, administrador da SAD encarnada, os vice-presidentes Domingos Almeida Lima, Varandas Fernandes e Alcino António e ainda os ex-jogadores e glórias Benfiquistas Júlio César, Valdo e Shéu Han.

A exposição, recorde-se, é temporária e gratuita e estará no Museu Benfica – Cosme Damião por tempo indeterminado a partir deste sábado, 5 de setembro.

Texto: Filipa Fernandes Garcia, João Sanches e Marco Rebelo

Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar