14 de setembro de 2020, 14h45

Abel Ferreira: "O Benfica é favorito, mas o PAOK quer fazer história"

Futebol

O treinador da equipa grega perspetivou o duelo com as águias, marcado para as 19h00 de terça-feira, na 3.ª pré-eliminatória da Liga dos Campeões.

PAOK e Benfica encontram-se, às 19h00 de terça-feira em Salonica, na 3.ª pré-eliminatória da Liga dos Campeões. Na antevisão, o treinador Abel Ferreira reconheceu a qualidade da equipa encarnada, mas também expôs as suas ambições

"É um jogo entre PAOK e Benfica e não entre Abel e Benfica ou Abel e Jorge Jesus. São duas equipas que se vão defrontar, aqui no Estádio Toumba, com o mesmo objetivo de passarem à próxima fase", sublinhou o técnico em conferência de Imprensa.

Com um treinador português, o PAOK tem vantagem no que toca ao conhecimento do Benfica?

Para mim, os treinadores não têm segredos, porque nos jogos mostram aquilo que fazem. Mas para mim, o mais importante é a capacidade que a nossa equipa tem de chegar dentro do campo e impor o nosso jogo. Que olhemos para este jogo como um desafio, uma oportunidade, com coragem de chegar e fazer aquilo que fazemos todos os dias.

É um Benfica mais forte com Jorge Jesus no comando?

O Benfica tem um bom treinador, bons jogadores, um dos maiores investimentos da história, mas vai jogar contra uma equipa que tem muita ambição, muita disciplina, que vai ter de trabalhar muito e vai pôr todo o seu talento dentro das quatro linhas. Enquanto treinador, sempre fui habituado a, com menos, ter sempre de fazer mais, e é isso que vou procurar fazer.

Abel Ferreira PAOK

Mantém a ideia de que o Benfica é favorito?

O Benfica é favorito, mas o PAOK quer fazer história. Tem o objetivo de passar à próxima fase e é isso que vamos tentar fazer, dentro das quatro linhas.

Vai apostar em Zivkovic, antigo jogador do Benfica?

É um jogador que conheço bem, jogou muitos anos em Portugal. Vai ajudar-nos seguramente, é um jogador com muita qualidade, que vem trazer competitividade à nossa equipa.

Como vai ser não verem ninguém nas bancadas?

O Estádio Toumba com adeptos é mais 50 por cento de motivação e de exigência. São eles que nos ajudam, nos empurram, são o 12.º jogador. A força deste clube vem muito pelos seus adeptos. Aqui vive-se o futebol sem filtros, em estado puro. Temos de nos adaptar a jogar sem público devido às circunstâncias, mas vai ser jogar para ganhar.

Jose Crespo PAOK

José Crespo (defesa do PAOK): "O Benfica é uma grande equipa"

Como perspetiva este duelo com o Benfica?

Vai ser uma partida difícil, como todas. Temos a vantagem de já ter jogado com o Benfica em anos anteriores e conhecermos assim melhor a equipa, mas eles também tiverem muitas mudanças de jogadores. Sabemos que é uma grande equipa, mas nós estamos concentrados no nosso trabalho e daremos o nosso melhor.

Quais os pontos fortes deste Benfica?

É uma equipa agressiva, joga em pressão alta, tem um grande jogo entre linhas e muita qualidade individual. É uma grande equipa, mas nós confiamos no nosso trabalho e na nossa qualidade. Vamos ver o que vai acontecer.

Que qualidades é que o PAOK vai levar para dentro de campo?

Somos uma equipa séria, agressiva, trabalhadora. Vamos tentar tirar o máximo de proveito das nossas qualidades e dos defeitos do adversário. Creio que, em geral, estamos a melhorar muito jogo a jogo. O nosso treinador conhece muito bem o Benfica, mas agora é a vez de nós, jogadores, mostrarmos em campo o que temos trabalhado nos treinos.

O que é que Zivkovic comentou sobre o Benfica?

O que todos já sabemos, que o Benfica é uma boa equipa. É um jogador com muita qualidade, com características diferentes do que temos e isso pode ajudar a equipa.

Texto: Márcia Dores

Fotos: PAOK

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar