Basquetebol

08 abril 2021, 11h39

Tomás Barroso

Benfica e Imortal discutem, neste sábado (15h00), no Centro de Congressos de Matosinhos, uma vaga na final da Taça de Portugal de basquetebol masculino. Os encarnados terão de estar "em alerta", considera Tomás Barroso, para levar de vencida um adversário que já causou mossa nesta temporada.

"Defrontar o Imortal, o Sporting ou o FC Porto, para nós, era indiferente. Vai ser um jogo complicado e é um jogo que temos de ganhar para chegar à final. Iremos sempre pensar jogo a jogo, e quem está pela frente é o Imortal, que já nos ganhou nesta temporada", recordou o capitão do Benfica, em declarações à BTV, em jeito de aviso.

"É uma equipa muito bem preparada e estruturada, com muito talento a nível individual. Temos de estar em alerta, extremamente focados e concentrados para conseguir ganhar", reforçou Tomás Barroso.

Tomás Barroso

O Benfica vai lutar pela 23.ª conquista da Taça de Portugal, mas, para reservar uma vaga na final, vai ter de ultrapassar um adversário com muita qualidade.

"Todos os jogadores do Imortal podem criar o seu lançamento, todos os jogadores podem marcar pontos. É uma equipa com jogadores mesmo muito fortes no um contra um, que podem desequilibrar e mudar o jogo a qualquer minuto. Por isso, temos de estar muito focadostentar manter sempre um nível alto de agressividade defensiva e, durante os 24 segundos de ataques, explorar bem as nossas opções e não querer atacar à pressa", finalizou o base de 30 anos.

"Manter nível alto de agressividade defensiva"

No outro jogo das semifinais enfrentam-se Sporting e FC Porto. A grande final da edição 2020/21 da Taça de Portugal está marcada para domingo, dia 11 de abril, pelas 16h00, no Centro de Congressos de Matosinhos.

Texto: Filipa Fernandes Garcia
Fotos: Arquivo / SL Benfica
Última atualização: 8 de abril de 2021

Patrocinadores Basquetebol


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar