Hóquei em Patins Feminino

04 julho 2021, 16h31

Benfica conquistou o 8.º título de Campeão Nacional do palmarés

RESUMO DO JOGO

Já está! A equipa feminina de hóquei em patins do Benfica sagrou-se neste domingo octocampeã ao bater, no Pavilhão Fidelidade, o Sporting por 8-5, no jogo 3 da final do play-off do Campeonato Nacional. 

As leoas, após terem empatado a final (1-1), com o triunfo na Luz no desempate por grandes penalidades, entraram a vencer no dérbi com uma grande penalidade apontada por Ana Catarina Ferreira, no minuto inicial da partida, após falta de Marlene Sousa sobre Margarida Florêncio. Porém, as águias responderam a preceito com quatro golos em menos de 10 minutos. Vamos a eles... 

Bola ao centro após o tento do Sporting e... golo do Benfica! Jogada de Flor Felamini e Marlene Sousa, antecipando-se a Ana Catarina Ferreira, a bater Cláudia Vicente e a fazer o 1-1 no marcador (2'). As águias exerciam grande pressão sobre a bola e, aos 4', Flor Felamini consumou a reviravolta e colocou o Benfica na frente, por 2-1.  A partir daqui, as duas guarda-redes, Maria Celeste Vieira e Cláudia Vicente, começaram a mostrar serviço com várias defesas de bom nível. Aos 8', a equipa de arbitragem assinalou bola presa e grande penalidade para o Benfica. Na marca, Flor Felamini não perdoou e o resultado aumentou para 3-1. Na pista do Pavilhão Fidelidade, as encarnadas mostravam grande eficácia e, aos 9', Maria Sofia Silva fez o 4-1

Hóquei Benfica

Na frente por três golos, o Benfica baixou o ritmo do jogo, optou pelo ataque organizado em detrimento das transições rápidas, por forma a gerir melhor a posse de bola. Ainda assim, o conjunto leonino mantinha-se vivo e, aos 13', Ana Catarina Ferreira teve direito a nova grande penalidade, mas viu Maria Celeste Vieira a defender por... três vezes. Logo de seguida, Sofia Moncóvio atirou ao poste da baliza encarnada e, aos 14', Rita Lopes, em nova grande penalidade para o Sporting, fez o 4-2. Volvidos dois minutos, aos 16', uma combinação entre as irmãs Rita e Rute Lopes permitiu à segunda um tiro na passada para o 4-3

O Sporting estava motivado e Sofia Moncóvio só não fez o 4-4, após passar por três benfiquistas, porque Maria Celeste Vieira evitou; na resposta, Marlene Sousa obrigou Cláudia Vicente a aplicar-se (18'). Sofia Moncóvio já tinha ameaçado em duas ocasiões e à terceira foi de vez, com a camisola 2 a empatar a contenda (4-4), aos 20'. O Benfica sentiu os golos sofridos, o Sporting, por seu lado, foi logo atrás de mais uma finalização, mas, desta feita, em boa posição, Sofia Moncóvio não disparou com a melhor direção. Dérbi louco, que chegou ao intervalo com o marcador em 4-4

RESUMO DA 1.ª PARTE

Na etapa complementar, o ritmo começou muito alto, com as duas equipas a apostarem em transições rápidas para levar o perigo às áreas contrárias, ainda que as guarda-redes Maria Celeste Vieira e Cláudia Vicente tenham estado a bom nível entre os postes. Aos 32', o 5-4 para o Benfica. Jogada de insistência de Flor Felamini, sorte no ressalto e remate para os festejos. Aos 35', através de uma grande penalidade, Flor Felamini não conseguiu aumentar a contagem.

Em desvantagem, o Sporting voltou a carregar, com várias aproximações perigosas à área do Benfica, que respondia, mas cujos remates esbarravam, invariavelmente, em Cláudia Vicente. A exceção apareceu aos 42'. Jogada individual de Maria Sofia Silva, assistência, e Marlene Sousa, à boca da baliza, a fazer o 6-4. As encarnadas estavam melhores e o 7-4 surgiu aos 44'. Jogada individual de Flor Felamini, ultrapassou a opositora direita e, isolada, bateu Cláudia Vicente. 

Hóquei Benfica

Aos 47', as verdes e brancas ficaram a centímetros do golo, através de um desvio oportuno de Ana Catarina Ferreira que bateu no poste. O dérbi foi relançado aos 48', com o golo de Sofia Moncóvio, que colocou o marcador em 7-5. A dois golos, o Sporting tentou reduzir para 7-6, mas Maria Celeste Vieira esteve gigante na baliza. Aos 49', num livre direto, Maria Sofia Silva fez o 8-5 final que permitiu a conquista do 8.º título do palmarés

O Benfica junta o título de 2020/21 aos conquistados em 2012/132013/14, 2014/15, 2015/16, 2016/17, 2017/18 e 2018/19. Em 2019/20, por via da COVID-19, não foi atribuído o título de Campeão Nacional. 

DECLARAÇÕES

Paulo Almeida (treinador do Benfica): "A minha mulher faz 50 anos, faço 28 anos de casado no dia de anos dela, há 28 anos que fui campeão do mundo em Itália. Para a minha família e as minhas filhas um grande bem-haja pelo apoio, dão-me muita força. Estava escrito, este é o ADN do Benfica, ganhar títulos. Lutamos sempre pelo primeiro lugar, o segundo é o primeiro dos últimos. Mais um troféu para o Cosme Damião. Disse, ao intervalo, que com calma íamos ganhar o jogo. A segunda parte foi brilhante. Jogaram com cabeça e inteligência, parabéns às minhas jogadoras, grandes guerreiras."

Marlene Sousa (capitã): "Muito contente pelo título, já eram dois anos sem levantar um troféu. Esta equipa vive de títulos, trabalhamos diariamente para chegar a este momento, dedicamos aos adeptos, à nossa família. Sabíamos que tinha de ser contra tudo e contra todos. Temos a Taça de Portugal para a semana que queremos vencer. Sabíamos que para vencer este campeonato tínhamos de ser 10 vezes melhor que o adversário e assim foi. Começámos muito bem o jogo, recuperámos depois. Apesar dos momentos menos bons, esta equipa merecia o título."

Maria Celeste Vieira (guarda-redes): "Jogámos contra todos, três penáltis contra na primeira parte, afastadas do título, pensavam, ontem. Hoje mostrámos que merecemos ser campeãs. Fizemos um grande campeonato. O segundo é o primeiro dos últimos. Parabéns a todas as equipas femininas desta casa que fizeram uma época histórica. O feminino não é quando o masculino não está bem. O feminino já dá cartas há muito tempo. Agradecemos ao Presidente, ao vice-presidente, por apostarem no desporto feminino. Estamos de parabéns. Amanhã pensamos na Taça de Portugal. O Benfica mostrou ser a melhor equipa, não jogamos aos penáltis, desfrutamos da modalidade, sabíamos que tínhamos de estar dois ou três golos à frente para não nos mandarem para casa."

Flor Felamini (avançada): "Obrigado ao Benfica, acho que as minhas colegas ajudaram-me a jogar assim. Quero mais conquistas. É uma equipa muito especial, sempre unidas pelo mesmo objetivo. Equipa incrível. Fui buscar forças onde não há, o jogo de ontem foi muito difícil e seria muito injusto se o Benfica não ganhasse. Esta equipa merece, jogou muito melhor."

Maria Sofia Silva (avançada): "Estávamos a jogar em casa, sabíamos que tínhamos de vencer. Demos tudo e estou muito feliz, não tenho palavras. Tínhamos de dar tudo, nestes jogos o cansaço não existe, era o último jogo do campeonato. Demos tudo."

Benfica-Sporting
8-5
Pavilhão Fidelidade
Cinco inicial do Benfica
Maria Celeste Vieira, Beatriz Figueiredo, Flor Felamini, Marlene Sousa e Maria Sofia Silva
Suplentes
Rita Albuquerque, Catarina Pedro, Maca Ramos, Maria Inês Severino e Agustina Fernández
Ao intervalo 4-4
Golos do Benfica
Marlene Sousa (2' e 42'), Flor Felamini (4', 8', 32' e 44') e Maria Sofia Silva (9' e 49')
Marcha do marcador
0-1, 1-1, 2-1, 3-1, 4-1, 4-2, 4-3, 4-4, 5-4, 6-4, 7-4, 7-5 e 8-5

Texto: Marco Rebelo
Fotos: João Paulo Trindade / SL Benfica
Última atualização: 4 de julho de 2021

Patrocinadores Hóquei


Relacionadas

Futebol

Treino em dia de aniversário

O líder Benfica defronta o Vitória de Guimarães no próximo sábado, dia 25 de setembro, numa partida relativa à 7.ª jornada da Liga Bwin, com pontapé inicial marcado para as 18h00. Tendo em vista a deslocação à Cidade-Berço, e em dia do 15.º Aniversário do Benfica Campus, a formação comandada por Jorge Jesus treinou no local...

Futebol

Por dentro da vitória frente ao Boavista

O Benfica soma e segue na Liga Bwin, desta feita venceu o Boavista, na segunda-feira, 20 de setembro, no Estádio da Luz. O 3-1 registado coloca os comandados de Jorge Jesus como o melhor ataque da competição, com 16 golos, no topo isolado da geral. Veja os bastidores de mais um triunfo na Catedral...

Futebol

Vertonghen "muito feliz" pelos 50 jogos de águia ao peito

Jan Vertonghen foi titular no eixo defensivo do Benfica no encontro da 6.ª jornada da Liga Bwin, frente ao Boavista, no Estádio da Luz, este dia 20 de setembro, tendo alcançado um marco na sua carreira com o Manto Sagrado vestido. "Estou muito feliz pelos 50 jogos de águia ao peito!", partilhou o internacional belga em português.

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar