Futebol

13 julho 2018, 23h57

Ferreyra

Águias e sadinos disputaram nesta noite de sexta-feira a vitória no Torneio Internacional do Sado. O reforço argentino, Ferreyra, apontou o tento dos encarnados, num empate (1-1) que bastou para erguer o troféu.

No final da partida, Ferreyra analisou as principais incidências, mostrou-se satisfeito por marcar, mas o mais importante foi o facto do seu golo ter ajudado o coletivo.

“Estou muito contente por ter marcado, o que foi importante também em termos de confiança e para ajudar a equipa. Há que continuar a trabalhar nesta pré-temporada e não esquecer que são jogos particulares. Obviamente que queremos ganhar, mas servem essencialmente de preparação e temos de trabalhar nisso”, disse na Zona Mista.

Ferreyra

Como estão a ser estes primeiros dias com a camisola do Benfica?

“Tenho-me sentido bem. É tudo novo, o Benfica é um grande desafio para mim. Estou muito contente também porque os meus companheiros me receberam da melhor maneira possível. Certamente que tudo será mais fácil para mim se continuar a ser assim”, revelou o reforço encarnado.

“Para além da concorrência, é sempre bom que os avançados marquem por causa da confiança. Marque quem marcar ficamos todos contentes por ajudar o Benfica e a competição interna é boa”, acrescentou.

Questionado se será difícil ser o melhor marcador em Portugal, Ferreyra não tem dúvidas…

“Será diferente, não sei se mais difícil ou não porque na Ucrânia também era difícil marcar golos. Tentarei marcar e, se não marcar, espero ajudar a equipa com sacrifício e com tudo aquilo que puder”, concluiu.

Texto: Sónia Antunes

Fotos: João Paulo Trindade e Isabel Cutileiro

Última atualização: 7 de fevereiro de 2019

Patrocinadores principais do Futebol


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar