11 de agosto de 2019, 01h06

Man of the Match

Futebol

Com dois golos e uma assistência Pizzi foi eleito o melhor jogador em campo no Benfica-Paços de Ferreira.

O Benfica recebeu e venceu (5-0), no Estádio da Luz, o Paços de Ferreira na ronda inaugural da Liga NOS. O médio Pizzi contribuiu com dois remates certeiros e uma assistência e foi, assim, eleito o Man of the Match num jogo em que atingiu a marca dos 50 golos de águia ao peito.

“Foi um bom jogo, defrontámos uma equipa que tem um futebol muito positivo, que quer sempre jogar e isso é de louvar aqui na ILiga. Acho que fizemos um bom jogo, fizemos muitos golos e, desde o primeiro minuto demonstrámos que estamos aqui para fazer um grande Campeonato. Toda a equipa está de parabéns”, enfatizou Pizzi, em declarações à BTV.

Apesar da distinção individual, o internacional português destacou o trabalho coletivo na goleada na estreia da Liga NOS 2019/20: “Obviamente que é uma alegria enorme para um jogador este troféu a nível individual, mas acho que o mais importante é o trabalho de toda a equipa. Desde o primeiro momento entrámos fortes, determinados, com vontade de vencer e acabámos por conquistar mais uma vitória, com números bastante elevados frente a uma equipa que nos tentou criar dificuldades e que teve um futebol positivo. Fomos claramente superiores e isso ficou demonstrado no resultado final.”

Pizzi

“Queríamos entrar fortes para conquistar os três pontos. A nossa ambição é sempre fazer o maior número de golos possível. Nem sempre isso acontece, mas acho que a nossa equipa já demonstrou, quer na temporada passada quer no início desta época, um poderio ofensivo muito grande. Mais uma vez foi demonstrado com muitos golos, muitas triangulações, muita qualidade ofensiva e defensiva. Deixámos outra vez a baliza a zero, toda a equipa foi espetacular”, acrescentou.

Quanto aos objetivos, o camisola 21 confessou que o Campeonato Nacional já está na mira e que o começo não podia ter sido melhor.

“Estamos a trabalhar todos os dias para voltar a conquistar o título nacional. Vai ser um caminho muito longo com batalhas muito difíceis, mas penso que vamos estar preparados para isso. Estamos a trabalhar muito bem desde o primeiro dia de pré-época e agora é continuar treino a treino, jogo a jogo, para no final estarmos a festejar”, considerou.

Texto: Márcia Dores e Sónia Antunes

Fotos: Isabel Cutileiro e Cátia Luís / SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar