21 de janeiro de 2020, 15h28

Nota máxima para o Benfica na 1.ª volta da Liga NOS

Futebol

Nunca, numa Liga com 18 equipas, um clube fez tantos pontos como os encarnados! Fechou o primeiro turno com o melhor ataque, a melhor defesa, o melhor marcador e melhor assistente da Liga NOS.

São 48 pontos em 51 possíveis! É este o registo do Benfica comandado por Bruno Lage no final da 1.ª volta da edição 2019/20 da Liga NOS, o que lhe permite ter a melhor prestação de sempre (com 18 equipas). Recorde-se que, na última época, o técnico e os jogadores já haviam alcançado – com 16 vitórias e um empate – a melhor 2.ª volta da história.

Raio-X da 1.ª volta da Liga NOS

Estes números só por si já impressionam, mas há muitos mais a "descascar" e que ilustram bem a raridade e importância do feito alcançado pelos encarnados. A juntar aos 48 pontos (média de 2,82 por jogo), o Benfica fechou a 1.ª volta com o melhor ataque, a melhor defesa, o melhor marcador e melhor assistente da Liga NOS.

Os 42 remates certeiros (24 na Luz e 18 fora de portas) em 17 jogos cifram a média de golos em 2,47 por jogo; em termos defensivos só concedeu seis, o que perfaz uma média de 0,35 a cada 90 minutos. Com 12 tentos, Pizzi é o melhor marcador da Liga NOS, bem secundado pelo companheiro de balneário Vinícius, com 11; no capítulo das assistências também é Pizzi o comandante, com oito passes para golo.

Coletivamente, segundo a plataforma Wyscout, há outros registos a ter em conta na formação liderada por Bruno Lage. É a equipa com menos faltas cometidas na Liga NOS (211), com mais passes (8497), com mais passes para a explorar a profundidade (184), com mais passes decisivos (89) e com mais passes inteligentes (189).

Raio-X da 1.ª volta da Liga NOS

Numa primeira volta pontuada por muitas vitórias e muitos golos, é natural que se vejam goleadas do Benfica. As águias, no seguimento da época passada, mantêm a veia goleadora e entraram com pontaria afinada na Liga NOS. No Estádio da Luz, frente ao Paços de Ferreira, na ronda inaugural, houve logo um 5-0 para amostra. No capítulo das goleadas, seguiram-se 0-4 ao SC Braga, 4-0 ao Portimonense, 4-0 ao Marítimo, 1-4 ao Boavista e 4-0 ao Famalicão.

A estas estatísticas e curiosidades pode juntar-se outra não menos importante: na Liga portuguesa, o Benfica fatura há 14 partidas consecutivas. Marcou em 94% dos seus jogos e demonstra a mesma percentagem para as vitórias alcançadas na competição.

Futebol

Defesa de betão

Mas se "os ataques ganham jogos, as defesas ganham campeonatos". Esta frase icónica de Phil Jackson, antigo treinador dos Chicago Bulls e dos Los Angeles Lakers, da NBA, elucida bem o que tem sido a temporada do Benfica em termos defensivos.

No final da 1.ª volta, os encarnados sofreram apenas seis golos, sendo que, dos 17 encontros realizados, Odysseas manteve as redes invioladas em 12. Apenas FC Porto, Moreirense, Santa Clara, Boavista e CD Aves conseguiram desfeitear o guarda-redes internacional grego.

Raio-X da 1.ª volta da Liga NOS

Referir, ainda, que apenas numa partida (clássico com o FC Porto), o Benfica concedeu mais do que um golo ao adversário. Neste caso foram dois e resultaram na única derrota sofrida na Liga NOS. O Wyscout mostra também que as águias são o emblema com menos faltas cometidas: 211.

Futebol

Bruno Lage coleciona recordes

Desde o primeiro jogo oficial sob o comando do treinador Bruno Lage – a 6 de janeiro de 2019 – vários recordes, uns mais históricos do que outros, têm sido batidos. Para além das melhores 1.ª e 2.ª voltas do Campeonato, Bruno Lage foi o mais rápido a chegar às 25 e às 30 vitórias pelo Benfica na prova; foi o que menos tempo demorou a atingir os 100 pontos (35 jornadas) e contabiliza 17 vitórias fora de portas, o que representa um feito inédito na história da competição.

Juntam-se, igualmente, os 103 golos marcados na última edição da Liga portuguesa, igualando a melhor marca do Clube, datada de 1963/64 (média de 3,03 tentos por jogo).

Futebol

Pizzi influente

O futebol é um desporto coletivo, mas há sempre individualidades que se destacam e dão mais força à equipa. No Benfica, um dos casos nesta temporada tem sido Pizzi.

O médio é o melhor marcador da Liga NOS, com 12 golos, e junta-lhe o "prémio" de melhor assistente, com oito passes para os colegas concretizarem.

Aos 30 anos, o internacional português está a atravessar uma das melhores fases da carreira e quem ganha são os encarnados. A fazer a época mais concretizadora no seu percurso profissional, com 20 golos oficiais, Pizzi marcou em quatro das cinco provas em que participou (a exceção é a Taça da Liga) e supera, assim, os 15 tentos de 2018/19, o seu anterior máximo.

Raio-X da 1.ª volta da Liga NOS

Com uma volta inteira para fazer na Liga NOS (mais a Liga Europa e a Taça de Portugal), o português pode pulverizar mais recordes. Para já, é o futebolista com maior influência, participando diretamente em 20 dos 42 golos do Benfica no Campeonato.

Segundo o site Transfermarkt, Pizzi está no top 20 dos jogadores de todas as ligas da Europa com maior influência, sendo o único português e da Liga NOS a figurar nesta lista. A participação que teve nos 20 golos coloca-o na 18.ª posição de uma classificação cujo pódio é ocupado por Immobile, Timo Werner e Lewandowski.

Mas não foi só Pizzi que fez uma 1.ª volta de excelência. Vinícius, avançado recrutado no último verão, está a mostrar as credenciais que fizeram o Benfica avançar para a contratação. Juntos, Vinícius e Pizzi, mostra o mesmo Transfermarkt, são das duplas mais eficazes entre as equipas das 10 principais ligas do Velho Continente.

Raio-X da 1.ª volta

Os 23 golos (12 de Pizzi e 11 de Vinícius) mais as 14 assistências (8 e 6) fazem com que esta dupla esteja envolvida em 37 golos da equipa no Campeonato, os mesmos que a dupla Immobile e Correa, da Lázio, e somente superada pelas duplas do RB Leipzig (Timo Werner e Sabitzer), com 39, e do Barcelona (Messi e Suárez), com 38. Aliás, no capítulo das assistências, a dupla do Benfica apenas vê um clube à frente: Borússia Dortmund, com 16, fruto da inspiração de Jadon Sancho e de Reus.

Texto: Marco Rebelo

Fotos: SL Benfica

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar