Futebol feminino

07 dezembro 2020, 14h46

Luís Andrade

ANTEVISÃO

Jogo histórico (mais um!) para a equipa feminina de futebol do Clube, com a disputa dos 16 avos de final da Liga dos Campeões 2020/21. A 1.ª mão joga-se às 15h00 de quarta-feira, no Benfica Campus, e Luís Andrade deu a receita.

Frente a frente, ditou o sorteio realizado em Nyon, vão estar o 68.º e o 7.º classificados do ranking da UEFA. O Benfica sabe muito bem ao que vai e a meta está traçada!

"Vamos enfrentar o 7.º do ranking, uma equipa que investiu muito neste ano para conquistar a Liga Inglesa e também a Liga dos Campeões e, como tal, temos de ter muito respeito. No entanto, nós trabalhamos diariamente para conseguir os nossos objetivos. Já conseguimos o objetivo de estar nas 32 melhores equipas e agora é jogo a jogo. É o Chelsea, muita humildade em relação ao adversário, mas também acreditamos no nosso valor, acreditamos nas nossas atletas, no nosso trabalho e queremos dar uma boa resposta dentro das quatro linhas", explicou Luís Andrade, à BTV, na antevisão à partida da 1.ª mão dos 16 avos da Champions.

Do outro lado da barricada vai estar uma equipa forte, com poucos pontos fracos...

"O Chelsea é uma equipa muito ofensiva, muito agressiva à perda de bola, gosta de ter bola… Todos os contextos de que posso falar sobre o nosso adversário são sempre positivos. Também há coisas menos boas, mas sabemos que cada lance que vamos disputar é como se fosse o último", analisou o técnico das águias.

Luís Andrade

"Queremos deixar todos os adeptos orgulhosos"

O que esperar da equipa do Benfica?

"Vamos manter as nossas ideias de jogo e dinâmicas. A nossa vontade será determinante para este grande jogo. Queremos orgulhar todos os adeptos do futebol feminino, e temos aqui atletas que um dia também poderão estar nomeadas para melhores do mundo", revelou.

Com os adiamentos de outros jogos na agenda do Benfica, o coletivo teve tempo para se concentrar somente nesta partida, algo que Luís Andrade considera muito positivo... mas há que passar da teoria à prática.

"Foi fundamental para o nosso trabalho, conseguimos analisar e preparar o adversário com mais tempo, mais descanso e dentro das quatro linhas temos de dar a resposta, porque não basta dizer que tivemos descanso e depois não darmos uma boa resposta. Queremos deixar todos os adeptos orgulhosos do nosso comportamento, do nosso trabalho e, não tendo adeptos nas bancadas, vamos ter os adeptos na cabeça", concluiu.

O plantel de futebol feminino comandado pelo treinador Luís Andrade treina no Benfica Campus nesta segunda e terça-feira, os dois dias que antecedem o primeiro embate com o Chelsea.

Os 16 avos de final, recorde-se, serão disputados a duas mãos (9 e 16 de dezembro), numa eliminatória onde o Benfica começa por receber o adversário no Benfica Campus (dia 9, quarta-feira, às 15h00). Na próxima semana as encarnadas viajam até no Estádio Kingsmeadow, em Londres, Inglaterra, para disputarem, a partir das 19h00 do dia 16, o jogo da 2.ª mão.

Texto: Sónia Antunes

Fotos: Arquivo / SL Benfica

Última atualização: 7 de dezembro de 2020

Patrocinadores Futebol Feminino


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar