Futebol feminino

01 outubro 2021, 23h00

Farkhunda Muhtaj no treino, com Kika Nazareth

REPORTAGEM BTV

Marcar a diferença: é esse o lema que o Benfica tem demonstrado e que, inclusive, foi levado avante na manhã desta sexta-feira, 1 de outubro, com a integração da capitã da seleção feminina de futebol do Afeganistão na rotina e nos trabalhos das Inspiradoras. 

Com o Afeganistão a viver uma fase "extremamente difícil, especialmente nos últimos dois meses", Farkhunda Muhtaj, antes de mais, mostrou que conhece o universo do Benfica.

"Estou feliz por estar aqui. O Benfica é conhecido no Canadá [onde vive atualmente], é um clube de classe mundial e até mesmo no projeto da equipa feminina de futebol que, na época passada, foi campeã nacional. Há muitas coisas positivas sobre o Benfica", destacou a futebolista, à BTV, depois do pequeno-almoço junto das atletas das águias, revelando como se proporcionou a hipótese de ajudar as raparigas e mulheres do Afeganistão a viver em Portugal.

"Enquanto capitã da seleção nacional, disse a todas as federações de futebol que me contactaram para ajudar a evacuar as raparigas do país. Imediatamente, o ex-selecionador nacional do Irão pôs-me em contacto com os funcionários governamentais, agentes da CIA e tantas outras pessoas fantásticas e humanitárias. Esta missão, toda em conjunto, correu muito bem para apoiar a saída das raparigas e mulheres do Afeganistão", afirmou.

Capitã da seleção feminina de futebol no treino da equipa feminina do Benfica

Mensagem para as afegãs a viver em Portugal

Antes da reunião da equipa feminina de futebol e da partida para o Estádio da Tapadinha, Farkhunda Muhtaj deixou um apelo.

"Quero dizer, em primeiro lugar, que estou grata por Portugal e por tudo o que o país tem feito. Mas também quero dizer a outros que tomem a mesma liderança e apoiem o Afeganistão, as mulheres e também as crianças vulneráveis. Nós não mudamos o mundo, mas podemos tentar mudar o mundo por uma pessoa, e este é um pensamento importante a adotar", vincou.

Capitã da seleção feminina de futebol no treino da equipa feminina do Benfica

Camisola com o n.º 10

Já no Estádio da Tapadinha, acompanhada pelo vice-presidente Fernando Tavares, a capitã da seleção feminina do Afeganistão recebeu uma camisola do Benfica, personalizada com o seu nome, pelas mãos da capitã de equipa, Sílvia Rebelo.

"Mais uma vez, quero agradecer ao Benfica por esta incrível oportunidade e pelo acolhimento. Esta é a razão pela qual o Afeganistão pode ser salvo, tal como a seleção nacional. Obrigado ao Benfica por esta oportunidade e obrigado às atletas e ao staff por me receberem desta maneira. Isto significa muito", discursou após a prenda oferecida e antes do arranque do treino matinal.

Capitã da seleção feminina de futebol no treino da equipa feminina do Benfica

Fernando Tavares destacou "líder e um modelo a seguir"

O vice-presidente do Sport Lisboa e Benfica, durante a sessão de treino, falou à Imprensa e enalteceu que as portas do Clube estarão "sempre abertas" a estas iniciativas.

"O crescimento do futebol feminino é uma inevitabilidade. É um prazer enorme ter a Farkhunda Muhtaj connosco. É um exemplo e uma líder que representa, de certa forma, a necessidade de mudança. O Benfica, recebendo a jogadora neste treino, também quis dar um sinal solidário para com o futebol feminino. O Benfica é o clube em Portugal, quiçá na Europa, que mais investe no feminino. Em todas as modalidades existem equipas femininas e o Benfica lidera pelo exemplo e, ao liderar desse modo, está a dar o sinal ao mundo de que aposta na vertente desportiva feminina. As nossas jogadoras têm consciência das dificuldades vividas pelas afegãs e ter aqui a jogadora reforça os laços, a consciência e o estado de alma de que é preciso mudar algumas coisas no mundo", garantiu o dirigente.

Capitã da seleção feminina de futebol no treino da equipa feminina do Benfica

Mensagem forte e lutas que fazem sentido

Uma das capitãs da equipa do Benfica, Pauleta qualificou este momento como "muito bom".

"Ficámos muito contentes com a presença da atleta, e é bom mostrar que o Benfica apoia estas causas. Nós, acima de futebolistas, somos pessoas e temos de ter consciência do que está a acontecer no mundo. Isso serve para percebermos que nós temos muita sorte por fazermos aquilo que realmente gostamos. O Benfica é um clube conhecido internacionalmente e que, para além de estar nos grandes palcos do futebol, também está nos grandes palcos da sociedade. É importante nós, enquanto jogadoras, e toda a gente no Benfica mostrar que apoiamos este tipo de causas e que tentamos ajudar a sociedade a crescer."

Filipa Patão, da equipa técnica, salientou, por sua vez, uma "integração muito boa e positiva", com a transmissão de uma "excelente mensagem" perante a realização desta iniciativa.

"Se as jogadoras acham que perder contra o Sporting é um mau momento... Um mau momento é o que estas mulheres passam em várias problemáticas neste contexto. A melhor mensagem que podemos passar é que a vida é muito mais do que um jogo, muito mais do que perder e ganhar. A vida é fazer aquilo que gostamos com brio, competência, humildade e é assim que o Benfica também age perante o adversário, independentemente do contexto. A vinda da capitã da equipa feminina do Afeganistão foi na altura ideal, na minha opinião, precisamente para passar a mensagem tanto para o plantel como para o mundo: há problemas de maior e temos de apoiar, dar a cara e estar nesta luta com ela e por elas", concluiu.

Texto: Ana Cristina Soares
Fotos: Victoria Ribeiro / SL Benfica
Última atualização: 2 de outubro de 2021

Patrocinadores Futebol Feminino


Relacionadas

Futebol

Presidente Rui Costa: conferência de Imprensa

Na Sala de Imprensa do Estádio Nacional, o Presidente do Sport Lisboa e Benfica, Rui Costa, falou detalhadamente sobre os contornos singulares do desafio B SAD-Benfica, da 12.ª jornada da Liga Bwin, um jogo que o árbitro Manuel Mota deu por terminado ao minuto 48, porque a equipa da casa não tinha um mínimo de sete jogadores em campo.

Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar