Futebol

27 julho 2020, 17h59

Vinícius, Pizzi, Chiquinho e Rúben

Clube com mais sucessos na Taça de Portugal (26 troféus ganhos), o Benfica prepara-se para disputar a sua 37.ª final da prova-rainha do futebol português (na atual designação). Para poder lutar por novo êxito às 20h45 de sábado, em Coimbra, a equipa teve de superar cinco eliminatórias (e seis jogos).

Nesta "gincana" rumo ao momento em que tudo se decidirá na Taça de Portugal 2019/20, a equipa benfiquista suplantou Cova da Piedade e Vizela, fora de portas, e depois levou a melhor sobre Braga e Rio Ave, ambos no Estádio da Luz.

Chegados às semifinais, os encarnados superiorizaram-se no duelo a duas mãos com o Famalicão e apuraram-se para a final, onde vão ter o FC Porto como adversário.

No que diz respeito aos principais rankings individuais, Vinícius (quatro golos e quatro assistências) e Pizzi (cinco golos e uma assistência) são os que mais se evidenciaram nesta caminhada (prolongada no tempo pela pandemia de COVID-19), que aqui recordamos, jogo a jogo, eliminatória a eliminatória...

Cova da Piedade-Benfica (0-4)

Foi no Estádio Municipal José Martins Vieira que o Benfica começou a sua caminhada na Taça de Portugal desta temporada. Na 3.ª eliminatória, um triunfo em tons de goleada que começou a ser desenhado por Pizzi. O médio encarnado fez dois golos. Um feito repetido por Vinícius, que também bisou na partida.

FC Vizela-Benfica (1-2)

O obstáculo dos encarnados na 4.ª eliminatória estava sediado na região do Norte e sub-região do Ave. O FC Vizela, conjunto que nesta época soma bons resultados no Campeonato de Portugal, deu réplica, mas acabou por ser vergado. Samu marcou para os da casa, enquanto Raul de Tomas e Vinícius foram os autores dos golos benfiquistas.

Benfica-SC Braga (2-1)

Nos oitavos de final houve jogo grande no Estádio da Luz com o Benfica a receber o SC Braga. Pizzi e Vinícius marcaram para o Benfica. Ferro fez um autogolo.

Benfica-Rio Ave (3-2)

Mais uma eliminatória, novo adversário da Liga NOS. A sorte ditou que seria o Rio Ave a enfrentar o Benfica nos quartos de final da Taça de Portugal. No Estádio da Luz foram os vila-condenses a inaugurar o marcador. Piazon e Mehdi Taremi marcaram para o Rio Ave. Cervi e Seferovic (2) desferiram os remates certeiros das águias.

Benfica-FC Famalicão (3-2)

Chegavam as meias-finais! Fase da prova a duas mãos, sendo a primeira realizada no Inferno da Luz. Bom futebol, com duas equipas a discutirem o jogo olhos nos olhos. Pizzi marcou aos 53', Toni Martínez e Pedro Gonçalves apontaram os tentos do FC Famalicão e, na parte de final da partida, Rafa e Gabriel incluíram os seus nomes na lista de marcadores, operando a reviravolta.

FC Famalicão-Benfica (1-1)

O último desafio antes da final ocorreu no dia 11 de fevereiro. Apesar de estarem em vantagem na eliminatória, os encarnados sabiam que não podiam relaxar. O empate (1-1), com golos de Pizzi e Toni Martínez, permitiu ao Benfica validar, três anos depois, a chegada a mais uma final da Taça de Portugal, a 37.ª do seu palmarés (na atual designação).

Texto: João Sanches e Marco Rebelo

Fotos: SL Benfica

Última atualização: 28 de julho de 2020

Patrocinadores principais do Futebol


Utilizamos cookies para enriquecer a sua experiência de navegação.
Ao continuar a navegar no nosso site está a concordar com a nossa política de utilização de cookies.

Aceitar